O Xiaomi Mi 8 e o Xiaomi Pocophone F1 são dois dos smartphones mais comentados de 2018. Ambos prometem entregar o desempenho de dispositivos top de linha, com um preço muito abaixo da média do mercado.

Eu recebi uma unidade do Xiaomi Pocophone F1 para testes, e já estou utilizando o dispositivo por pelo menos três dias. E posso antecipar (sim, eu vou fazer um review desse modelo) que este smartphone é excelente para a sua faixa de preço, sendo a melhor opção para quem não pode (ou não quer) pagar muito para ter o máximo de desempenho.

O primeiro aplicativo que eu instalei quando recebi o Pocophone F1 foi justamente o port do Google Camera, para conseguir uma qualidade de fotos um pouco melhor do que a oferecida pelo app nativo de câmera da Xiaomi. Um dos principais objetivos era fugir do modo de embelezamento nativo que fica ativo como padrão nesse aplicativo, tirando as linhas de expressão e deixando todo mundo com aparência de boneca Barbie.

 

 

Muita gente tem uma certa aversão ao software de câmera da Xiaomi pelo mesmo motivo, e o app do Google Camera é uma excelente solução para esse problema. E a melhor parte é que você nem precisa rootear o smartphone para instalar esse app.

Porém, é preciso cumprir alguns requisitos para tudo funcionar. Para começar, o seu Xiaomi Mi 8 ou Xiaomi Pocophone F1 já deve contar com o Android 9.0 Pie. Caso contrário, nem tenta instalar, pois não vai funcionar.

Se o seu smartphone já recebeu a mais recente versão do sistema operacional Android, basta fazer o download do apk do Google Camera no link disponível no final desse post. Aguarde alguns segundos (pois o link tem como destino o arquivo armazenado no Google Drive) para o download iniciar. Uma vez concluído, basta instalar o aplicativo no seu smartphone.

 

 

Os benefícios do Google Camera nos dois smartphones da Xiaomi são notáveis, e os resultados das fotos serão surpreendentes. Vale a pena o teste!

 

Download | Google Camera para Xiaomi Mi 8 e Xiaomi Pocophone F1