O Huawei Mate X é uma realidade, e levanta vários questionamentos. Algumas dessas dúvidas a Huawei decidiu dissipar. E a principal pergunta que muitos estão fazendo é: será que esse dispositivo com tela dobrável é realmente resistente?

O senso comum indica que a tela do Samsng Galaxy Fold, concorrente direto do Huawei Mate X, está bem mais protegida, já que dobra para dentro. Já a proposta da Huawei dobra para froa, deixando a tela mais exposta a riscos e outros problemas.

A durabilidade dessa tela é muito questionada por causa do movimento de dobra. A ideia é perceber quantas vezes essa tela pode dobrar sem quebrar. E a Huawei respondeu que não contou para verificar tal informação. Por outro lado, também afirmou que, quando o Mate X chegar ao mercado, ele estará a altura dos requisitos dos consumidores.

Resposta evasiva. Não dá para saber se é resistente ou não.

 

 

O funcionamento dos aplicativos

 

 

É fundamental garantir uma experiência de uso perfeita. Para isso, os aplicativos precisam seguir determinadas regras de design. A Huawei não considera esse aspecto um grande problema, já que trabalhou muito para melhorar a experiência de uso do Mate X, que deve se adaptar de forma muito simples quando a sua tela estiver estirada.

Para tentar provar que está falando sério sobre esse aspecto, a Huawei compartilhou um vídeo que mostra o Mate X em funcionamento. Nele, o usuário setá jogando King of Glory e decide melhorar a sua jogabilidade expandindo a tela do dispositivo. O smartphone não para de funcionar durante a transição entre os modos, ou mesmo apresentou atraso no jogo, com um funcionamento perfeito e o modo completo de visualização da tela e de sua qualidade.

A Huawei enfatizou que os usuários não vão enfrentar qualquer tipo de problemas ao alternar os modos. Mas só poderemos comprovar isso depois de muito tempo e muitas dobras nessa tela flexível de 8 polegadas (2200 x 2480 pixels).

E é bom que o Huawei Mate X funcione direito. Afinal de contas, o seu preço inicial sugerido é de nada menos que 2.299 euros. O tempo vai dizer se a resistência da tela é real ou se é fruto da imaginação da Huawei.