Huawei Mate 10

A Huawei apresentou o Huawei Mate 10 que conta com um modo dock, que transforma o smartphone em um desktop.

Com isso, a Huawei apresenta a sua proposta de tecnologia conversível no estilo do que a Microsoft e a Samsung já apresentou no passado, mas com o sistema operacional Android.

O formato da Huawei pode finalmente expandir o uso do smartphone com telas externas. O Mate 10 e Mate 10 Pro podem utilizar tal recurso sem precisar usar uma base extra, bastando conectar o smartphone à tela via cabo compatível, dispensando assim a necessidade de fazer um grande investimento nesse aspecto.

Entre as características adicionais, é possível controlar o que se vê no monitor através do smartphone de maneira tátil, ou gerenciar apresentações com um modo privado, sem exibir as notificações recebidas. Dependendo do tipo de cabo utilizado, também existe a possibilidade de recarregar automaticamente o smartphone enquanto o modo desktop é utilizado.

 

 

Aumentar a acessibilidade a esse tipo de uso de forma simples é essencial para eliminar obstáculos que opções como o Samsung DeX oferece. Os smartphones não precisam de uma base dedicada para gerenciar um sistema simples em formato desktop, menos ainda quando temos smartphones mais potentes que os computadores atuais.

O que a Huawei propões com o Mate 10 é apenas o primeiro passo de muitos que virão nessa direção para os demais fabricantes do setor.