Compartilhe

A Huawei confirmou que alcançou a marca de 200 milhões de smartphones Android distribuídos no mercado em 2018. O sucesso desses números se deve à força de séries como Huawei P20, Mate 20 e Honor 10. É um novo recorde para a empresa que fecha 2018 com chave de ouro, e começa 2019 com muito otimismo.

A empresa aproveitou para explicar os motivos que a conduziram ao sucesso, e esse post comenta em detalhes os motivos.

 

 

Como justificar o 2018 bem sucedido para a Huawei?

O Huawei P20 teve muito destaque nos aspectos fotográficos, e o Huawei P20 Pro foi o melhor smartphone Android no primeiro semestre de 2018. A estética dos modelos conquistaram muitos usuários, e foram 16 milhões de unidades enviadas desde o seu lançamento em março de 2018.

 

 

O sucesso da linha Huawei Mate 20

É um modelo que conta com o chip mais potente da história da Huawei, o Kirin 980, com processamento de 7 nm, maior eficiência energética e uma experiência de uso mais suave para um dispositivo mais inteligente.

O Mate 20 também foi muito bem nas vendas (5 milhões de unidades enviadas em dois meses), e se tornou popular entre os usuários mais jovens, com um design impressionante e elementos visuais inovadores.

Já o Huawei Nova 4 é um dos telefones selfie mais populares de 2018, mantendo o forte apelo estético e elementos diferenciados, como a tela mais larga e um design inovador. Em 2018, a série vendeu mais de 65 milhões de unidades, se tornando uma força na linha média com um preço muito interessante.

 

 

O segmento de linha média foi bem recebido

Os modelos top de linha da Honor também vai muito bem, com revolucionárias técnicas de processamento e design exclusivo. Já o Honor 10 é um dos modelos mais emblemáticos de 2018, com o mote “Beauty in AI” e recebendo tecnologias inovadoras.

O excelente design dos modelos Honor e V10 ajudaram a marca a ser a líder de vendas na China, pois entrega características do modelos top de linha com um preço de dispositivo de linha média.

 

 

O que esperar da Huawei em 2019?

Hoje, os smartphones da Huawei são utilizados por mais de 500 milhões de pessoas em mais de 170 países ao redor do mundo. Para a Huawei, o negócio de consumo vai incindir sobre o conceito “consumer-centric”, e o objetivo é seguir inovando para liderar a próxima revolução no mercado de smartphones, ao mesmo tempo que agrega valor aos usuários para que os mesmos aproveitem melhor o seu tempo e suas vidas.

O ano de 208 foi muito positivo para a Huawei. Nem mesmo a guerra comercial com os Estados Unidos afetou as suas vendas, apesar de colocar a credibilidade da marca em xeque.

Em 2019, a Huawei terá que tentar remediar esta situação, ao mesmo tempo que desenvolve novos smartphones Android e dispositivos mais inovadores.


Compartilhe