A Huawei apresentou os seus novos smartphones de linha média, o Huawei Honor 8X e Huawei Honor 8X Max.

Muitos dos rumores sobre os modelos foram confirmados, e dessa forma, a Huawei vai fazer frente para a concorrência, especialmente diante dos fabricantes chineses.

Mesmo sendo esteticamente muito semelhantes, os dois modelos contam com pequenas diferenças, mas mantendo uma excelente relação custo/benefício. O Honor 8X é pensado nos fãs de fotografia, enquanto que o Honor 8X Max é para quem prioriza o tamanho de tela e a autonomia de bateria.

 

 

Huawei Honor 8X

 

 

O Honor 8X conta com tela de 6.5 polegadas (Full HD+) com notch. Suas bordas são bem finas, e os cantos de tela são arredondados. Tudo é gerenciado pelo processador HiSilicon Kirin 970, trabalhando com 4 GB e 6 GB de RAM e 64 GB e 128 GB de armazenamento (expansíveis via microSD).

Nas câmeras, temos um duplo sensor traseiro de 20 MP + 2 MP, e na parte frontal recebe um sensor de 16 MP (f/2.0). Todas as câmeras, assim como o smartphone como um todo, receberam funcionalidades de inteligência artificial.

O modelo conta com uma bateria de 3.750 mAh, e suporte para a tecnologia GPU Turbo da Huawei, garantindo assim uma experiência gaming otmizada.

 

 

Huawei Honor 8X Max

 

 

Temos aqui um phablet com tela de 7.2 polegadas (Full HD+), e seu notch é em forma de gota d’água. Conta com dois processadores diferentes: o Snapdragon 636 com 4 GB de RAM (64 GB ou 128 GB de armazenamento), e o Snapdragon 660, com 6 GB de RAM e 64 GB de armazenamento.

Nas câmeras, ele é um pouco mais modesto (na teoria), com um sensor duplo traseiro de 16 MP + 2 MP e uma câmera frontal de 8 MP.

O Honor 8X tem preço base de 180 euros (4 GB + 64 GB) e máximo de 240 euros (6 GB + 128 GB). Já o Honor 8X Max tem preço inicial sugerido de 190 euros. Os dois modelos começam a ser vendidos na China em 11 de setembro. Quanto ao 8X Max com Snapdragon 660, ele chegará em outubro, e o seu preço não foi anunciado.