Hisense Laser TV

A Hisense apresentou oficialmente o Laser TV, que combina o melhor dos mundos entre projetor e TV. O único problema é que esse mundo custa bem caro.

Na prática, temos um projetor a laser de curta distância, com todos os componentes de uma TV, enviando a imagem para uma tela de 100 polegadas (4K HDR) em acabamento mate.

O Hisense Laser TV é um projetor, com todas as suas vantagens e desvantagens. O fabricante tenta com esse nome criar uma nova categoria de produto, que pela primeira vez combina os dois dispositivos.

 

 

Não é de todo descabido. Dentro do projetor, temos um processador da Texas Instruments que entrega imagens em resolução 4K com certificação HDR10, com até 3.000 lúmens para melhor visualização em salas completamente iluminadas.

O dispositivo projeta as imagens em uma tela ultrafina e ultraleve de 100 polegadas, com tecnologia antirreflexo da Screen Innovations. A tela deve ser instalada a uma distância máxima de 15 centímetros do projetor para um bom funcionamento, além de permitir uma instalação em qualquer parede e sem cabos.

 

 

O som do Hisense Laser TV é assinado pela Harmon Kardon, em uma parceria inédita entre as duas empresas. O sistema de áudio é de 2.1 canais de 110 watts com cinco alto-falantes, incluindo um subwoofer sem fio de 6.5″.

Além disso, o produto recebe uma plataforma própria de Smart TV, que oferece acesso a aplicativos como Netflix, YouTube, Amazon Prime Video e outros. Também possui sintonizador de TV, conectividade WiFi e duas portas HDMI 2.1.

 

 

O Hisense Laser TV tem preço sugerido de US$ 9.999, em um kit que inclui o projetor, a tela e o subwoofer. Chega ao mercado norte-americano nos próximos meses, com previsão de lançamento para outros países em 2018.