Compartilhe

O Google decidiu se explicar sobre por que o Google Stadia não pode executar jogos em 4K a 60 FPS, tal e como a empresa prometeu inicialmente. Bom, pelo menos por enquanto.

O site 9to5Google chegou a acusar o Google de mentir sobre o desempenho dos jogos do Stadia depois de comprovar que os principais jogos da plataforma (utilizados pela empresa para fazer o marketing do serviço) não alcançavam o nível gráfico prometido.

Porém, estava claro desde o começo que o serviço estava muito verde para entregar uma potência máxima, e mesmo que a tentativa em revolucionar a indústria dos videogames seja algo louvável, ainda existe um longo caminho a percorrer.

Fato é que se os jogos do Stadia não podiam entregar o 4K @ 60 FPS, os executivos da empresa jamais deveriam anunciar o contrário sabendo que isso não era possível.

O Google AFIRMOU que sua GPU tem mais potência que nos consoles Xbox One e PS4 Pro COMBINADOS. Porém, jogos como Destiny 2 e Red Dead Redemption 2 só são reproduzidos em Full HD e 1440p a 30 fps, respectivamente. Os dois jogos passam por um upscalling a 4K e enviados para o Chromecast, e isso resulta em uma notável diferença na qualidade de imagem do Stadia em comparação com os consoles dedicados e PCs para jogos.

Resumindo: a promessa foi de suporte ao 4K para todos os jogos de lançamento, mas na prática o que acontece não é a entrega do 4K nativo e real, mas sim um upscalling de uma imagem em 1080p ou 1440p.

 

 

Nada de 4K @ 60 fps real nos jogos do Google Stadia

 

 

Em declaração oficial, o Google coloca a culpa para os desenvolvedores, afirmando que são eles que decidem como será o equilíbrio entre a qualidade de imagem e a velocidade de fotogramas para os jogos no Stadia, onde a transmissão em 4K a 60 fps fica por conta do Google em todos os aspectos gráficos, indo do jogo até a tela de configurações.

O Google reforça que os desenvolvedores trabalham na melhor qualidade geral, com a liberdade para obter a melhor qualidade de imagem e velocidade de quadros no Stadia.

De fato, tal declaração deveria ter aparecido bem antes, mesmo que no formato de letras pequenas sobre o funcionamento do serviço, já que essas palavras entram em contradição com o prometido pela gigante de Mountain View, que deveria ter sido clara desde o primeiro minuto sobre o uso das técnicas como o upscalling de imagem nos jogos do Stadia.

Lembrando que o Chromecast Ultra exibe um sinal em 4K, mas Red Dead Redemption 2 tem resolução 1440p, e Destiny 2 está em Full HD. Ou seja, nenhum desses jogos oferece gráficos reais em 4K @ 60 fps. E o contraditório entre as duas coisas não ficou claro por parte do Google.

 

 

Via 9to5Google, Digital Foundry


Compartilhe