Compartilhe

O futuro dos games até pode estar no streaming, mas é fato que o início do Google Stadia foi problemático. Porém, vem a NVIDIA com o seu GeForce Now, que já encerrou o período de testes e tem os seus primeiros relatos na mídia internacional. E as primeiras impressões é que essa plataforma supera a da Google com algumas sobras.

 

 

O que estão achando do GeForce Now

 

Uma das principais vantagens do serviço de streaming da NVIDIA é que, no lugar de ter um catálogo de jogos adaptados, os jogos aqui rodam por conta do usuário, permitindo a sincronização de qualquer jogo instalado no computador ou smartphone, inclusive aqueles jogos de outras plataformas, como o Steam.

Infelizmente, o GeForce não é compatível com jogos da Capcom, EA, Konami, Remedy, Rockstar ou Square Enix. Por outro lado, por ser um streaming onde os jogos são executados em outra máquina, você não precisa se preocupar com os requisitos técnicos, recebendo assim mais qualidade do que o seu dispositivo originalmente é capaz, inclusive com gráficos em 4K (sempre que o seu monitor suporte tal resolução).

Outro grande detalhe é que aqui você pode instalar quantos jogos você quiser, sem precisar se preocupar com espaço de armazenamento ou velocidade de leitura.

Até aqui, tudo é muito parecido com o Google Stadia. Então… onde o GeForce Now é melhor?

 

 

Como funciona o GeForce Now no PC

 

O serviço da NVIDIA usa uma launcher própria, que exige o início de sessão em sua conta para validar a conexão com um novo dispositivo de confiança. Aqui, uma pequena janela com o menu principal da plataforma aparece, permitindo assim a escolha dos jogos de forma mais ágil. Pode assustar constatar que você só pode instalar seus jogos um a um, mas eles são instalados automaticamente em poucos segundos, uma vez que eles já estão alojados na nuvem do GeForce Now.

Ou seja, você tem acesso aos seus jogos e conquistas salvas, mas os ajustes do jogo não ficam salvos, onde configurações especiais para o teclado precisam ser reconfiguradas a cada vez que você jogar na plataforma de streaming.

Ao testar vários jogos online e offline, o GeForce Noew cumpre com sobras a promessa de rodar os games nos ajustes mais altos, obtendo um nível de qualidade superior, passando de ajustes de 1080p com taxas entre 40 e 60 FPS até o 1080p com taxas entre 70 e 90 FPS.

Além disso, jogado com um PC desktop conectado com cabo ethernet e em um conexão de fibra ótica de 400 Mbps simétricos, as diferenças entre jogos online e offline são completamente imperceptíveis, sem apresentar retardos na resposta dos periféricos.

 

 

Como funciona o GeForce Now nos smartphones

 

O GeForce Noew é compatível com qualquer dispositivo com sistema operacional Android (tablets e smartphones). Basta fazer o download do aplicativo na Google Play Store.

Seu funcionamento é praticamente o mesmo que no PC, com todos os atalhos e jogos já adicionados na plataforma, assim como toda a biblioteca de jogos. Porém, aqui você tem algumas limitações com alguns jogos, como League of Legends, onde você precisa do teclado e mouse. Por outro lado, nos jogos via Steam, o acesso ao serviço Big Picture está garantido, permitindo o uso de um teclado e controles com a tela.

A dica é usar algum tipo de controle Bluetooth diretamente conectado com o dispositivo, ou procure algum adaptador USB > USB para conectar outros dispositivos sem fio.

O desempenho dos jogos também é muito bom nos smartphones, com bons resultados nos ajustes máximos e taxas próximas dos 60 FPS estáveis, sem cortes ou lentidões, onde as falhas ficam por conta da qualidade da conexão. Por isso, use o GeForce Now nos smartphones através de uma conexão WiFi.

 

 

Conclusão

 

O GeForce Now ainda precisa melhorar em alguns aspectos, mas a sua experiência de jogo melhorou muito desde a sua beta, com resultados gráficos e de desempenho muito bons, latências mínimas e taxa de quadros melhores do que oferecem a maioria dos computadores dos usuários.

Ele supera com sobras o Google Stadia, e se posiciona como uma alternativa muito boa para os jogos online e por streaming.


Compartilhe