Um novo escândalo envolvendo a Amazon, e este um pouco mais delicado que os anteriores, já que compromete a reputação da loja com os seus clientes.

De acordo com o Wall Street Journal, no interior da Amazon existe um peculiar sistema de corrupção, onde os funcionários recebiam subornos para eliminar resenhas negativas de vendedores externos.

A Amazon em si vende vários produtos, mas vários outros são distribuídos dentro da plataforma por vendedores associados. O sistema de reputação e resenhas funciona como um guia para novos compradores adquirirem os produtos com eles.

Porém, em locais como a China, um vendedor externo pode pagar até US$ 300 para um funcionário da Amazon apagar uma resenha negativa sobre o seu serviço. Em alguns casos, os funcionários da plataforma davam ao corruptor o endereço de e-mail do reclamante.

A prática é uma violação dos regulamentos internos da Amazon, e uma investigação está em curso para localizar os funcionários desonestos.

 

Via WSJ