Compartilhe

A guerra comercial entre Estados Unidos e China não fez apenas a Huawei como vítima. Também afetou os fãs de Game of Thrones na China. Em um dos finais mais importantes da história das séries televisivas, os chineses vão ter que esperar para descobrir quem ficou com os sete reinos. E a culpa é dessa guerra comercial entre os dois países que não se entendem.

 

 

Series finale de Game of Thrones está em perigo na China

 

É até difícil de acreditar.

A guerra comercial chegou a pontos absurdos, atingindo uma das séries de TV mais assistidas do mundo. A Tencent, famosa por ser a dona de inúmeros serviços, possui os direitos de exibição de Game of Thrones na China. Ela ia exibir o episódio final de Game of Thrones, mas para a decepção da audiência chinesa, a exibição foi cancelada.

Uma hora antes da estreia do episódio, a conta da Weibo da Tencent Video confirmou que a transmissão do episódio seria cancelada, por conta de “problemas de transferência de mídias”.

Ainda que a informação oficial da Tencent seja essa, é de se supor que isso aconteceu por causa da guerra comercial entre China e Estados Unidos, que está no auge. E não é para menos que muitos assinantes do serviço protestaram contra a plataforma nas redes sociais, exigindo devoluções e reembolsos. Algo totalmente lógico, e é o mínimo que esses assinantes merecem como direito.

Nos últimos meses, o conflito entre Estados Unidos e China só está aumentando, e nunca foi tão efervescente como agora. A Huawei entrou na “lista negra” de Donald Trump, o que fez com que gigantes norte-americanas como Google, Intel e Qualcomm anunciassem a suspensão dos acordos comerciais com o fabricante. Ontem (20), o veto contra a empresa chinesa foi suspenso por três meses (até 19 de agosto), o que deve dar tempo para Trump e os responsáveis pela Huawei se posicionarem frente a frente para uma eventual negociação.

De qualquer forma, encontramos algo que foi ainda mais polêmico que o episódio final de Game of Thrones. E muitos entendem que os chineses estão com sorte, pois não testemunharam tudo o que aconteceu no fatídico episódio final da série.

 

Via WSJ


Compartilhe