Compartilhe

O Essential Phone chegou ao seu fim de ciclo oficial. O modelo foi um dos smartphones mais comentados de 2017, mas não alcançou o sucesso planejado.

O dispositivo chamou a atenção porque foi desenvolvido por Andy Rubin, o “pai” do Android. Ainda é um telefone bem interessante para quem compra ele lá fora, por causa das pesadas reduções de preços. Oficialmente, ele nunca foi comercializado no Brasil, e poucas unidades do dispositivo chegaram até aqui.

Agora, quem está interessado em ter um Essential Phone terá que correr, pois foi confirmado de forma oficial que a produção do aparelho foi oficialmente encerrada. Muitas lojas lá fora já estão com estoques esgotados, e o site oficial da marca não mais comercializa o produto.

O comunicado oficial do fabricante confirma que não existem planos para voltar a disponibilizar o produto, e a empresa vai dedicar todos os seus recursos para o desenvolvimento do seu próximo smartphone. Os proprietários do Essential Phone continuam a receber acessórios para o modelo e atualizações para o sistema operacional.

Não há muitas informações sobre o próximo smartphone da Essential, mas rumores indicam que terá um foco especial para a Inteligência Artificial, algo que fica mais evidente depois da fabricante adquirir a CloudMagic.

 

 

É difícil analisar um produto que não chegou ao Brasil de forma oficial, mas olhando de longe, o que podemos dizer é que o Essential Phone foi um dos modelos mais interessantes que o mercado recebeu nos últimos dois anos.

De certa forma, se tornou referência para muitos fabricantes que tentaram entregar um dispositivo com uma frontal todo tela. Talvez a ambição de Andy Rubin foi grande demais para um mercado Android que já era muito competitivo, e continua a ser.

Esperamos que a Essential tenha aprendido com os vários erros cometidos com o Essential Phone, entregando um segundo dispositivo mais próximo da realidade do mercado, ou com maior potencial para conquistar um grande público.

 

Via 9to5Google


Compartilhe