TargetHD.net | Notícias, Dicas e Reviews de Tecnologia
FIFA deve lançar game próprio em 2024 | TargetHD.net Press "Enter" to skip to content
Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | Games | FIFA deve lançar game próprio em 2024

FIFA deve lançar game próprio em 2024

Compartilhe

É claro que a fila anda. Ela sempre anda.

Ontem (10), falamos do divórcio entre Electronic Arts e FIFA, colocando fim ao licenciamento da marca esportiva para os jogos de videogame de futebol que durou 30 anos. E hoje (11), estamos aqui para informar que a entidade máxima do futebol já decidiu seguir em frente, assim como a própria EA, que vai rebatizar seu jogo para EA Sports FC.

Depois de FIFA 23, que inclui os direitos da Copa do Mundo masculina do Catar e da Copa do Mundo feminina a ser realizada no meio de 2023, o acordo termina, e uma nova era começa. Para todos os envolvidos.

Incluindo um novo jogo FIFA, que não deve chegar ao mundo antes de 2024.

 

 

 

It’s all about the benjamins, baby!

Para a maioria dos gamers que viveram os últimos 30 anos jogando ativamente esse jogo de futebol, a sigla FIFA não representa uma entidade de futebol do mundo real, mas sim uma franquia de jogos de videogame que gerou nada menos que US$ 20 bilhões em vendas nas últimas duas décadas.

E, convenhamos: essa é uma pilha de dinheiro que a FIFA não queria ignorar.

Tanto não queria, que tinha como planos dobrar o valor de US$ 150 milhões que a Electronic Arts pagava pelos direitos exclusivos de licenciamento da marca FIFA para o seu jogo de videogame. E o grande problema neste caso não é exatamente o valor pago, mas sim o uso do termo EXCLUSIVIDADE.

Se apenas a EA Sports poderia usar o termo FIFA, a entidade máxima do futebol ficava bem limitada em outras plataformas que poderiam resultar em fontes de receitas potencialmente importantes. Neste caso, a exclusividade era um problema, e o divórcio beneficia mais os cartolas do futebol do que a empresa desenvolvedora de games.

 

 

 

FIFA vai voltar ao mundo dos videogames no futuro

Com o fim da exclusividade, a FIFA está livre para fechar novos contratos para o desenvolvimento de jogos de videogames com temática futebolística envolvendo sua marca, e em múltiplos formatos, plataformas e desenvolvedoras. Os novos jogos devem iniciar o seu desenvolvimento até o final de 2022.

Por outro lado, é certo que os novos jogos FIFA não vão entregar a mesma experiência de jogo que os gamers conhecem e se acostumaram a ter nos últimos 30 anos. Serão novas propostas, novas mecânicas e novos formatos.

Na prática, só vamos descobrir o que a FIFA tem em mente para o mundo dos videogames a partir de 2024, com alguma sorte. E, bem ou mal, uma nova era começou para todos os envolvidos.

Nada pessoa, EA. São só negócios. E dinheiro, é claro.


Compartilhe