Fazer o root em seu dispositivo Android ficou mais complicado com o Lollipop

Compartilhe

650_1000_android-5-0-lollipop-2

As novas opções presentes no Android 5.0 Lollipop poderão complicar a vida daqueles que pretendem rootear os seus dispositivos com essa versão do sistema operacional da Google.

Chainfire, um dos gurus do cenário Android, destaca que as novas medidas que evitam os governos de se infiltrarem tão facilmente em nossos dispositivos também são um obstáculo para obter acesso aos privilégios de superusuário desses dispositivos. A nova versão do Android e, principalmente, sua compilação LPX13D, desativam o acesso ao root, além de impedirem que o script que permite o rooteamento do dispositivo seja executado durante a sua inicialização.

Isso significa que o usuário root tem que estar ativo no núcleo ou kernel, e que não é possível instalar um kernel personalizado – que dá acesso à essa opção – sem a permissão de superusuário.

Normalmente os fabricantes não dão a possibilidade de desbloquear o gestor de inicialização, o que condena os usuários a utilizar as ROMs nativas e suas atualizações (mas isso, na teoria), e parece que por enquanto o desbloqueio voluntário do bootloader por parte dos fabricantes – algo que não é tão comum – complicará ainda mais a situação.

Mas vamos aguardar por soluções que mentes criativas podem encontrar.

Vía | XDA Developers, Chainfire


Compartilhe