TargetHD.net | Notícias, Dicas e Reviews de Tecnologia Faça isso para manter a sua privacidade intacta antes de vender o seu smartphone Android | TargetHD.net Press "Enter" to skip to content
Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | Dicas, Truques e Macetes | Faça isso para manter a sua privacidade intacta antes de vender o seu smartphone Android

Faça isso para manter a sua privacidade intacta antes de vender o seu smartphone Android

Compartilhe

O mercado de smartphones de segunda mão sempre foi forte, e em 2022 ele se tornou ainda mais procurado. O aumento generalizado de preços nos novos telefones e a escassez no setor tecnológico ajudam a explicar esses movimentos.

Logo, muito provavelmente você está cogitando vender o seu smartphone Android para comprar outro dispositivo ou até mesmo para investir dinheiro em um novo gadget. Ao fazer isso, é fundamental preparar o telefone antigo para evitar que os seus dados acabem nas mãos do novo proprietário.

Neste artigo, veja qual é o procedimento correto para preparar o seu smartphone Android para a venda, reforçando as defesas aos seus dados e aumentando sua privacidade.

 

Cuidado com os dados armazenados no dispositivo

Se você pensa que apenas o iPhone tem valor de mercado interessante para a revenda, você está muito enganado. Por mais que um smartphone Android top de linha acabe custando menos na revenda, esse é o tipo de dispositivo que é mais procurado justamente por causa do seu preço mais competitivo.

Ou seja, em algum momento no futuro você vai pensar em vender o seu smartphone Android. Ao menos dessa forma a roda da economia segue girando, e alguém vai usar o seu telefone que ainda pode entregar algum tempo de uso para outra pessoa.

Neste caso o conselho mais importante que você pode receber antes de vender o seu smartphone Android para alguém é: restabelecer o dispositivo para os padrões de fábrica.

Eu explico: neste momento, o seu smartphone armazena informações de todos os tipos, indo dos dados mais irrelevantes (como os nudes que você recebe do WhatsApp) até os dados cruciais ou sensíveis, como dados bancários e números de cartão de crédito (com senhas e códigos de segurança).

Por isso, se você pensa em vender o seu smartphone Android, pense também em apagar todos os dados armazenados no dispositivo. Mas faça isso de forma correta e eficiente.

 

Como restabelecer um smartphone Android para os padrões de fábrica

Este é um procedimento relativamente simples para ser executado e é similar para a maioria dos dispositivos disponíveis hoje no mercado. Porém, o passo a passo deve ser feito com atenção, e as opções podem ter nomes diferentes de acordo com o fabricante do dispositivo e da interface do sistema operacional que está ativo no dispositivo.

Antes mesmo de começar, faça uma cópia de segurança dos seus dados mais importantes armazenados no smartphone, pois se alguma coisa der errado no procedimento, ainda será possível recuperar o status de momento do telefone.

Feito isso, abra as Configurações do smartphone e siga os passos a seguir:

  1. Procure pela opção de Recuperação de Status de Fábrica (ou Recuperação de Fábrica) e toque nas Opções de recuperação.
  2. Agora, toque em Apagar Todos os Dados.
  3. A seguir, o telefone vai pedir para que você confirme a opção selecionada. Para continuar, toque no item Apagar Todos os Dados.
  4. Para continuar, autentique a opção através do método de desbloqueio estabelecido como padrão no dispositivo e, depois, confirme mais uma vez a decisão em remover todos os dados, tocando novamente em Apagar Todos os Dados quando solicitado.

Agora, só resta sentar, relaxar e esperar enquanto o seu smartphone apaga todas as informações de armazenamento interno para realizar o procedimento de recuperação de fábrica do sistema operacional.

Todos os smartphones com a versão Android 10 ou superior estão encriptados, de modo que uma recuperação de fábrica é uma forma muito segura para apagar todas as informações sensíveis que estão armazenadas no dispositivo.

Dessa forma, recuperar esses dados se torna muito mais difícil para qualquer pessoa (inclusive para você, atual proprietário do dispositivo), evitando assim que os dados fiquem disponíveis para outras pessoas depois do processo de venda do telefone.


Compartilhe