Cientistas decidiram estudar o que acontece com o corpo humano durante o beat box, que nada mais é do que usar a boca, lábios, língua e voz para imitar sons de bateria, ritmos e sons musicais.

Historicamente, o beat box está associado à cultura do hip hop, mas na prática não se limita a isso. Cientistas da Universidade do Sul da Califórnia utilizaram uma máquina de ressonância magnética para estudar os movimentos.

O que você vai ver no vídeo no final do post são os movimentos dos lábios, da língua e outros articuladores do trator vocal enquanto trabalham juntos para produzir os sons.

A máquina utiliza campos magnéticos para registrar as imagens dentro do corpo, em uma resolução mais alta que os Raios X. Em um ‘kick drum’ por exemplo, as pregas vocais se juntam e logo se elevam para criar uma alta pressão atrás dos lábios. Em um ‘lip bass’, o ar flui através dos lábios enquanto os lábios se pressionam suavemente entre si.

Tais estudos ajudam os cientistas a descobrir como trabalha a mente e o funcionamento do corpo humano. E depois disso, com certeza você verá de outra forma uma performance de beat box, não se limitando a encarar tudo como barulhos aleatórios (é a tendência dos nossos pais pensar dessa forma).

 

 

 

Via Universidade do Sul da Califórnia