Seguimos com a nossa cobertura sobre os principais lançamentos e apresentações da E3 2019, que acontece em Los Angeles. E a PC Game Show desse ano nos deixou alguns momentos bem interessantes.

Há quem diga que, com a chegada do Xbox One e do PS4, os desenvolvedores de videogames se centraram nos consoles da atual geração, o que teria provocado uma extinção praticamente completa dos jogos AAA para PC.

O domínio total dos jogos multiplataforma ficou explícito desde então, e produziu efeitos positivos e negativos. Os efeitos positivos são, de um modo geral, receber consoles com uma vida útil muito mais longa, já que os jogos AAA partem sempre do mínimo exigido pelas respectivas especificações de hardware dos consoles em questão (tanto PS4 como Xbox One).

O efeito negativo dessa nova geração de consoles é que, nesse momento, não temos nenhum jogo que aproveite de verdade o real potencial que oferece um PC top de linha. O que é uma lástima, pois o investimento que os gamers de computadores acabam realizando são muito maiores do que os gamers de consoles, e não podem ver essas máquinas aproveitando todo o poder de fogo nos jogos.

Durante a PC Game Show na E3 2019, a tendência dos últimos anos se repetiu, com uma forte presença de desenvolvedores menores e de jogos indie que acabaram surpreendendo com propostas muito interessantes que demonstram, mais uma vez, que os gráficos não estão alinhados com a diversão de forma obrigatória.

Nesse post, apresentamos os momentos mais interessantes da PC Game Show, no nosso esquema clássico de compartilhar no post os trailers dos jogos mais interessantes. Convido você a visitar os outros posts do blog que falam sobre os principais eventos, lançamentos e novidades da E3 2019.

 

 

Vampire: The Masquerade – Bloodlines 2

Age of Wonders: Planetfall

Chivalry 2

Mosaic: BlipBlop

Midnight Ghost Hunt

Zombie Army 4

Remnant: From the Ashes

Shenmue III

Man Eater