TargetHD.net | Notícias, Dicas e Reviews de Tecnologia É importante ter uma elevada densidade de pixels na tela do smartphone? | TargetHD.net Press "Enter" to skip to content
Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | Dicas, Truques e Macetes | É importante ter uma elevada densidade de pixels na tela do smartphone?

É importante ter uma elevada densidade de pixels na tela do smartphone?

Compartilhe

densidade de pixels na tela do smartphone

Com o avanço dos smartphones, a tela foi ganhando um protagonismo cada vez maior e, por tabela, seu tamanho só foi aumentando. Hoje, é comum ter telefones com 6 polegadas ou mais, principalmente em um tempo onde o dispositivo é muito utilizado para o consumo de conteúdo multimídia e games. E parte dessa boa experiência pode estar na elevada densidade de pixels na tela do dispositivo.

Ou será que não?

Nesse aumento de tamanho de tela, o tema das densidade de pixels ganhou uma atenção maior por parte do consumidor, que mesmo quando não entende exatamente o porquê dessa importância, acaba prestando atenção para esse detalhe.

Na tentativa de eliminar as dúvidas dos mais leigos, vamos dedicar um post para explicar se a densidade de pixels pode ou não influenciar na experiência de uso do smartphone.

 

 

 

A importância dos pixels

 

 

Vamos começar explicando o conceito dos pixels na tela dos smartphones para depois determinar a sua importância na experiência de uso do dispositivo.

Primeiro, é preciso saber que se mede a densidade de pixels por polegada de tela. Por isso, é comum ver nas listas de especificações técnicas siglas como PPP (Pixels Por Polegada) e PPI (Pixels Per Inch, em inglês). E é essa a informação que vai indicar se a tela do seu smartphone possui ou não uma alta qualidade no aspecto de exibição de imagem.

Mas, antes de continuar, algo importante: o que é um pixel?

Um pixel é um ponto que emite luz com uma única cor. A combinação de pixels determinam se uma imagem será exibida com maior ou menor definição. Quanto maior a quantidade de pixels, melhor será a qualidade final da imagem.

Por exemplo, se uma imagem possui uma resolução de 16 MP (megapixels), significa que essa imagem está composta por 16 milhões de pixels, ou seja, 16 milhões de pontos.

Com o aumento das telas dos smartphones e também da qualidade dos sensores fotográficos e de vídeo, os fabricantes começaram a inflar os números de pixels e megapixels nos diferentes aspectos relacionados no dispositivo, e não apenas para oferecer imagens com melhor qualidade, mas também para inflar o marketing dos dispositivos.

Porém, nunca explicaram o quanto esse aspecto é realmente importante na nossa experiência de uso com o telefone.

 

 

 

A verdadeira influência dos PPP

Tudo nessa vida tem ônus e bônus, e aqui não é diferente.

Quanto maior o número de PPP de uma tela, maior será a qualidade final da imagem. Por outro lado, o principal efeito colateral dessa decisão será um maior consumo de bateria, já que estamos falando do elemento que mais consome energia do smartphone.

Uma densidade de pixels alta significa também uma tela que entrega imagens com maior quantidade de brilho. E isso vai fazer com que a bateria do smartphone acabe se consumindo mais rapidamente.

Se serve como referência, o olho humano não percebe a diferença na densidade de pixels nas imagens acima de 350 PPP. Outros fatores devem ser considerados nessa equação da percepção da boa qualidade de imagem, como a distância da tela em relação aos olhos, enfermidades oculares, o cansaço visual e a idade do usuário, entre outros.

Logo, a elevada densidade de pixels na tela do smartphone afeta sim diretamente na qualidade de imagem que o usuário vai ver, mas isso pode ser relativo por conta das variáveis mencionadas no post. E, como efeito colateral, a bateria do dispositivo vai gastar mais rapidamente.

Se você pode conviver com as causas e consequências de suas escolhas, siga em frente e fique com o telefone que entrega aquilo que é melhor para você.

Como sempre.


Compartilhe