É assim que o WhatsApp quer lutar contra as fake news | TargetHD.net
TargetHD.net | Notícias, Dicas e Reviews de Tecnologia É assim que o WhatsApp quer lutar contra as fake news | TargetHD.net Press "Enter" to skip to content
Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | Internet | É assim que o WhatsApp quer lutar contra as fake news

É assim que o WhatsApp quer lutar contra as fake news

Compartilhe

As fake news viraram uma praga dos dias modernos. É a dor de cabeça dos jornalistas e dos políticos, especialmente em período eleitoral. Até porque “quem é que controla a tia do zap zap”, não é mesmo?

O WhatsApp é a principal via de transmissão de fake news no mundo, e quer mudar isso, uma vez que não quer ficar associado à prática criminosa de disseminação de notícias falsas. Para isso, está preparando uma nova funcionalidade que tem como principal objetivo evitar que as notícias falsas se propaguem de forma irremediável.

Em uma das novas versões beta do aplicativo, uma nova etiqueta (presente apenas para o Android por enquanto) indica aos usuários se uma mensagem foi re-enviada com muita frequência (cinco ou mais compartilhamentos).

Também é possível verificar quantas vezes essa mensagem foi compartilhada, obtendo dados mais precisos sobre essa disseminação. O novo recurso não impede a propagação da mensagem, mas é mais uma forma de alertar aos usuários mais conscientes que a mesma está sendo compartilhada de forma exagerada. E ainda está nas nossas mãos a decisão de compartilhar uma notícia falsa ou parar com a palhaçada ali, naquele momento.

 

 

WhatsApp sob observação

 

 

Da mesma forma que alguns governos pediram para o Facebook ser mais contundente no combate com as fake news, o WhatsApp também está sob pressão. Foi contratado um time novo de profissionais dedicados exclusivamente no combate das notícias falsas, com maior eficiência do que os sistemas automáticos.

Os mais críticos consideram o WhatsApp como grande responsável pela difusão das fake news, o que resultou em situações extremas como linchamentos e várias formas de violência em países como a Índia.

O recurso vai demorar um pouco para chegar aos usuários do WhatsApp, pois está em fase de testes. De qualquer forma, é bom saber que o recurso existe, e que estará disponível tão logo ele possa operar com garantias. Vamos ficar de olho para informar sobre a disponibilidade do novo serviço.

 

Via WABetaInfo


Compartilhe