Do Samsung Galaxy S20+ ao Samsung Galaxy S21+: o que mudou | TargetHD.net
TargetHD.net | Notícias, Dicas e Reviews de Tecnologia
Press "Enter" to skip to content
Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | Análises e Reviews | Do Samsung Galaxy S20+ ao Samsung Galaxy S21+: o que mudou

Do Samsung Galaxy S20+ ao Samsung Galaxy S21+: o que mudou

Compartilhe

Assim como aconteceu com o Galaxy S21, também vamos fazer o comparativo entre o Samsung Galaxy S21+ e o Galaxy S20+, na tentativa de descobrir se vale mais a pena comprar o modelo lançado em 2020, ou se você pode se permitir a adquirir o modelo lançado em 14 de janeiro de 2021.

Como é importante que você saiba onde você deve investir o seu dinheiro, este tipo de comparativo deixa mais claro como cada telefone está em relação à sua geração anterior. Dependendo do seu perfil de uso, não vale a pena gastar a mais por um modelo em específico.

 

 

 

Do Samsung Galaxy S20+ ao Samsung Galaxy S21+: o que mudou

 

As mudanças nessa série são basicamente as mesmas identificadas no Galaxy S21 em relação ao Galaxy S20, de modo que algumas pessoas podem se decepcionar um pouco com isso.

As telas são quase idênticas, mas o Galaxy S21+ conta com uma resolução FullHD+ e recebe o Gorilla Glass Victus para proteger a parte frontal do dispositivo. A mudança no processador também é a mesma, e tanto os 12 GB de RAM como o slot para microSD desapareceram neste modelo.

Nas câmeras, o hardware também segue intacto: 12 MP para o sensor traseiro normal, 64 MP para a lente com zoom ótico (com zoom híbrido). E na parte de conectividade, as mesmas mudanças da série Galaxy S21, incluindo o WiFi 6e, de nova geração.

O Galaxy S21+ (assim como o Galaxy S21) conta com o leitor de digitais embaixo da tela. Sua bateria é um pouco maior (4.800 mAh) que a geração anterior (4.500 mAh), contando com a mesma carga rápida, a mesma carga sem fio e a mesma carga sem fio reversa.

O novo modelo é mais curto que o Galaxy S20+, ao mesmo tempo que é mais largo e pesado (apenas 14 gramas a mais). E, mais uma vez, nada de carregadores ou fones de ouvido no kit de venda do novo smartphone; apenas um cabo USB-C a USB-C.

A única grande mudança relevante neste caso é a do processador, onde o Galaxy S21 conta com o novo Exynos 2100.

 

 

 

Qual você deve comprar?

 

De novo: a Samsung mudou tão pouco de uma geração para a outra, que quase não dá para dizer que estamos falando de dispositivos de gerações diferentes.

Ou seja, vale a pena repetir o que disse no artigo do comparativo entre o Galaxy S20 e o Galaxy S21: se você pode viver muito bem sem o processador Exynos 2100, quem sabe vale a pena investir no Galaxy S20+.

Agora, se o Galaxy S21+ não custar tão caro assim, talvez seja melhor investir o dinheiro a mais para ter o modelo lançado em 2021. Não vejo vida muito longa para a série Galaxy S20, pois a Samsung pode querer esquecer que o Exynos 990 existiu um dia.


Compartilhe