TargetHD.net | Notícias, Dicas e Reviews de Tecnologia Conselhos para aumentar a segurança do NFC no seu smartphone | TargetHD.net Press "Enter" to skip to content
Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | Dicas, Truques e Macetes | Conselhos para aumentar a segurança do NFC no seu smartphone

Conselhos para aumentar a segurança do NFC no seu smartphone

Compartilhe

Usar o NFC no smartphone é sinônimo de modernidade. Mesmo porque chega a ser algo primitivo tirar o cartão de crédito da carteira.

Mas para fazer isso com eficiência e qualidade de vida, é preciso ter algumas coisas em mente. O método de pagamentos via NFC é considerado seguro, mas você precisa fazer a sua parte para aumentar ainda mais a segurança do processo e a proteção dos seus dados.

Neste post, vamos mostrar como você pode reforçar a segurança do NFC para não terminar com os seus dados de cartão de crédito nas mãos de alguém que vai comprar action figures da Marvel no AliExpress sem o seu consentimento.

 

 

 

Ative o Secure NFC

O Secure NFC é uma ferramenta que está disponível desde o Android 10, e tem a finalidade de só ativar o NFC quando o smartphone está com a tela desbloqueada, o que impede o roubo de dados e transferências financeiras com o telefone bloqueado.

Muitos usuários apostam na praticidade do NFC e deixam o dispositivo habilitado para realizar transações financeiras mesmo com a tela bloqueada. E esse é um erro grosseiro, principalmente em um mundo onde qualquer criminoso possui um leitor NFC adulterado por perto.

Para habilitar este recurso no seu smartphone é bem simples: acesse os Ajustes do dispositivo e digite na barra de buscas ‘Preferências de Conexão’. Entre as opções que aparecem, vai ter o Secure NFC ou o seu equivalente. Ative o recurso e pronto.

 

 

 

Use aplicativos seguros

Para ter uma maior segurança nas transações via NFC, use sempre os aplicativos oficiais fornecidos pelo fabricante do seu dispositivo, como por exemplo Apple Pay e Samsung Pay. Na pior das hipóteses, use o Google Pay, que também garante essa maior proteção.

Alguns desses aplicativos contam com o recurso de ‘tokenização’, que codifica todos os pagamentos realizados via NFC no smartphone. E esse é mais um motivo para utilizar os apps oficiais, pois os dados sensíveis das transações estarão seguros em caso de perda ou roubo do dispositivo.

Vale a pena perder algum tempo estudando sobre as características de funcionamento desses aplicativos, inclusive nos apps dos bancos onde você tem conta. Verifique se esses softwares podem oferecer a segurança que você precisa nas transações financeiras e compras com o NFC.

 

 

 

Mantenha o NFC desativado

Se você não está utilizando o recurso de NFC naquele momento, não tem motivos para deixá-lo ativado o tempo todo no smartphone. Logo, é uma questão de bom senso (além de uma maior economia de bateria) manter essa função desligada no telefone.

A não ser que você seja uma pessoa que compra em excesso porque possui muito dinheiro (e, neste caso, precisamos ser amigos o quanto antes), não faz muito sentido manter o NFC ativo o tempo todo. O ideal é ativá-lo apenas e tão somente quando ele for necessário.

 

 

 

Conclusão

Não tem muita desculpa para não aumentar a sua segurança com o uso do NFC. As dicas apresentadas neste post são bem simples de serem adotadas, e usuários com diferentes níveis de conhecimento informático podem adotá-las sem maiores problemas.

Porém, no final das contas, a decisão é sempre sua. As informações deste post são dicas e sugestões. Você segue se quiser.

Mas… eu, se fosse você, seguiria.


Compartilhe