Compartilhe

A Samsung está desenvolvendo um smartphone que teria a capacidade de ficar transparente. Isso mesmo que você está lendo: o telefone que você guarda no seu bolso ou perde com muita facilidade pode ficar ainda mais difícil de ser encontrado porque ele pode ficar transparente (para seu desespero).

Vamos conhecer nesse post os detalhes sobre o projeto, e procurar entender se ele pode ser uma ideia bem vinda para a maioria de nós, mortais distraídos que nem sempre sabemos onde deixamos o smartphone na casa ou apartamento.

 

 

 

Uma ideia revolucionária

 

 

Antes que você comece a guardar dinheiro para realizar o investimento nesse dispositivo, saiba que ele ainda é uma patente de produto, ou seja, ele sequer é um protótipo, que dirá ter algum prazo de chegada ao mercado.

A patente prevê que o dispositivo contará com uma tela que vai permitir que o usuário veja o que está disponível atrás dela, o que torna o dispositivo “transparente”. A ideia foi registrada pela Samsung, e os documentos de patente revelam os detalhes sobre como essa tecnologia poderia ser desenvolvida na tela de um smartphone, mas que pode ser aplicado sem maiores problemas em Smart TVs e computadores portáteis, para a mesma finalidade.

Estes são apenas os primeiros passos para uma nova proposta de formato de tela que pode ser implementada em diferentes tipos de produtos e dispositivos. Se os planos da Samsung funcionarem conforme a empresa planeja, pode marcar uma revolução de mercado em um futuro próximo.

Porém… (e sempre tem um porém…)

 

 

 

Ainda gera algumas dúvidas

 

 

O pessoal do site Let’s Go Digital desenvolveu desenhos de conceito, que mostram como poderiam ser os novos dispositivos com essa tela transparente, onde o conteúdo projetado sobre essa tela (como ícones, textos e imagens) podem ser vistos com total nitidez, permitindo ao mesmo tempo que a luz passa através das imagens.

É um conceito realmente inovador, apesar de não ser um conceito inédito. Obviamente, resta conferir na prática como tudo vai funcionar, mas alguns especialistas ainda estão céticos sobre o funcionamento pleno desse conceito.

Alguns já estão se perguntando onde ficarão escondidos os componentes internos do dispositivo, como por exemplo processador, memória, bateria entre outros. O mais lógico é pensar que tudo isso deve ficar em outro local do dispositivo, e não justo atrás do smartphone. Seu design todo dela cobre todo o dispositivo, sem deixar bordas aparentes, o que deixa mais difícil de imaginar onde ficarão alojadas as entranhas do dispositivo. Quem sabe com a ajuda da nanotecnologia, algo que ainda está em desenvolvimento.

Logo, nesse momento, só podemos ficar com as conjecturas, teorias e hipóteses, pois não existem informações mais específicas sobre esse modelo de smartphone transparente que, nesse momento, é um simples projeto ou conceito, mas que já desperta a curiosidade da comunidade de tecnologia.

 

 

 

Uma consideração final

 

 

É sempre importante deixar bem claro que, no terreno das patentes, não dá para considerar como certo que alguns dos designs que testemunhamos ao longo dos meses vão se transformar em uma realidade no futuro, pois inúmeros projetos são abandonados ao longo do tempo, e nem todos chegam ao estágio de produto final, tal e como aconteceu com os telefone dobráveis.

A principal missão das patentes no mundo da tecnologia não é converter ideias inovadoras e revolucionárias que podem se transformar em produtos finais no futuro, mas sim identificar em que sentido estão caminhando os departamentos de pesquisa e desenvolvimento dos fabricantes, além de proteger a propriedade intelectual das marcas para ideias que podem estar presentes em produtos da concorrência no futuro.

Por enquanto, o smartphone transparente da Samsung é tecnicamente impossível. Mas no futuro, com o avanço tecnológico… quem sabe?

 

 

Via LetsGoDigital


Compartilhe