Compartilhe

iPhone

 

Um editor do Engadget, insatisfeito com a rotina de ser obrigado a ativar constantemente o modo avião do seu iPhone 7 Plus para poupar a bateria do dispositivo, decidiu combinar um case com bateria com um módulo de recarga sem fio, para deixar o smartphone da Apple com mais funcionalidades do que o normal.

Jose Mendiola não quis apostar no Apple Smart Battery Case, e adquiriu uma Mopie Juice Air. Preocupado com as questões estéticas (algo que foi superado depois de perceber que a necessidade de utilizar o seu smarphone o dia inteiro era maior), ele concluiu que, depois da compra, um dos seus problemas estava parcialmente resolvido.

O case era acionado apenas quando a bateria do iPhone 7 Plus contava com apenas 20% de carga. A partir daí, a bateria integrada no case fazia o seu trabalho de realimentar o dispositivo, que poderia ficar praticamente dois dias longe do carregador.

Porém, esse case tem outra vantagem que pegou Jose de surpresa: a recarga sem fio.

Vendo a documentação da embalagem, ele descobriu que o Mophie Juice Air era compatível com os carregadores sem fio. Jose então não teve dúvidas em testar a funcionalidade em um velho carregador do Galaxy S6 Edge com esse padrão.

Bastou colocar o iPhone com o case sobre a base de recarga, que a bateria do case começou a ser recarregada. Algo muito prático nos dias de hoje.

Também é possível fazer uma gambiarra é integrar o carregador Qi no painel do carro, permitindo uma breve recarga durante a ida ou a volta para casa.

E, desse modo, temos um iPhone com as características de outros smartphones, mas que a Apple insiste em não inserir como padrão.

Nada como o hack da vida para resolver tudo…


Compartilhe