Como verificar que o app Android instalado no seu celular é realmente seguro

Compartilhe

Instalar aplicativos em smartphones e tablets com o sistema operacional Android não é uma das tarefas mais complicadas do mundo. Se alguém consegue complicar o processo, não é por causa do software, mas sim pela pouca experiência de uso, ou por tentar fazer algo a mais do que o planejado para obter alguma vantagem (algo que precisamos abandonar aos poucos com o passar do tempo).

De um modo geral, cada um dos aplicativos que instalamos no smartphone conta com uma revisão prévia dos mesmos nas lojas de aplicativos oficiais. Em alguns casos, alguns arquivos maliciosos acabam entrando nas lojas, já que é muito difícil obter uma supervisão completa de todos os apps que chegam nessas lojas, pelo grande volume de propostas que são enviadas todos os dias.

Este problema da supervisão da confiabilidade dos aplicativos é algo que grandes empresas como o Google tentam solucionar de forma imediata. Pode não conseguir de forma tão eficiente quanto muitos entendem que deveria ser, mas ao menos tenta oferecer essa camada maior de proteção aos usuários.

Por isso, nesse post, vamos mostrar várias características que o usuário deve levar em consideração na hora de instalar um aplicativo no seu smarpthone.

 

 

 

Atenção redobrada se o aplicativo não está na Google Play Store

 

Se a sua necessidade é extrema e você realimente precisa ter um aplicativo que não está disponível na Google Play Store, recomendamos cuidados triplicados. Verifique cada um dos detalhes sobre este aplicativo em questão que está instalado no seu smartphone, através das configurações do dispositivo. Após entrar nessa opção, vá até o Administrador de Aplicativos e selecione o programa em questão para eliminar as suas dúvidas.

 

 

 

Verifique as permissões que o aplicativo solicita

 

Não dê mole para o azar. Se um aplicativo suspeito solicitar permissões que você entende que não são necessárias para o seu pleno funcionamento, seja exigente nos critérios em manter ou não o aplicativo instalado no seu smartphone.

Uma vez dentro do item que mostra os detalhes desse aplicativo suspeito, você terá acesso às permissões que o programa exige para funcionar no seu smartphone. Leve em consideração que, se ele realiza tarefas mais simples, o programa solicita o acesso à sua agenda de contatos, este é o primeiro sinal que ele deve ser removido do dispositivo.

Outro acesso que apps maliciosos costumam solicitar é o envio de SMS, pois a maioria dos programas não precisa desse acesso. É importante ressaltar que este conselho em específico é válido se você está instalando aplicativos dentro ou fora da Play Store.

 

 

 

Observe as opiniões de outros usuários

 

Sempre leve em consideração a opinião das pessoas que já instalaram esse aplicativo suspeito em outros smartphones Android. Verifique o número de estrelas que o app resolveu e as resenhas que os demais usuários já deixaram pelas suas experiências com o mesmo.

Além disso, dentro da própria Google Play Store, você pode verificar as permissões que o aplicativo em questão solicita para funcionar no seu smartphone. Assim, você pode antecipar um passo, e nem mesmo instalar um app com o qual você não sente segurança na utilização.

 

 

 

De novo: cuidado com os apps de fontes desconhecidas

 

Raramente recomendamos a instalação de aplicativos que estão fora dos canais oficiais de seus desenvolvedores. Normalmente recomendamos o APK Mirror, pois esta é uma fonte confiável. Fora isso, você está indo por sua conta e risco.

E os conselhos desse post podem ser aplicados aos aplicativos que você instala dentro e fora da Google Play Store, pois os crimes cibernéticos estão em todas as partes, e são cada vez mais difíceis de serem detectados. Adotando tais medidas, você pode dificultar o trabalho dos hackers, mantendo o seu dispositivo (e os dados armazenados nele) um pouco mais seguros.


Compartilhe