Como ter o Windows 10 2004 de graça a partir do Windows 7 ou 8

Compartilhe

Em julho de 2015, a Microsoft lançou o Windows 10. E com ele, iniciou um programa de atualização gratuita que permitia a migração para a nova versão a partir do Windows 7, Windows 8 e Windows 8.1. O programa previsto para durar apenas um ano foi inicialmente ampliado para até o final de 2017… e além disso.

Oficialmente, o programa de atualização gratuita foi encerrado, mas o método segue funcionando e, é claro, dá para ter o Windows 10 2004 de graça, como sempre foi possível.

Hoje, o Windows 10 é pago e não é barato. Não há dados de vendas da versão, mas é difícil ver um usuário do Windows 7 ou Windows 8.1 pagando pela atualização, ainda mais quando é possível atualizar de graça. Logo, a Microsoft mantém o tal limbo legal e técnico sobre o assunto para obter mais usuários e tentar evitar a migração para o macOS e Linux.

Ou seja, os servidores de ativação criados pela Microsoft para o Windows 10 continua a validar qualquer atualização que chega, incluindo licenças das versões anteriores que (na teoria) não deveriam funcionar, como por exemplo as cópias piratas.

Por isso, vamos mostrar como você pode atualizar o seu computador com Windows 7 ou superior para o Windows 10 2004 de forma bem simples. Se você ainda tem um computador com as versões antigas, chegou a hora de atualizar de vez para uma versão que tem suporte técnico da Microsoft.

 

 

 

Passos preliminares

 

 

1) Faça backup do seu sistema e/ou dos dados e arquivos que deseja manter como uma prevenção em caso de erros.

2) Embora não seja necessário e a maioria das atualizações funcione mesmo sem ela, localize a chave de produto Windows 7, o que é a mesma coisa da licença do sistema operacional em formato alfanumérico. Você pode localizar a chave de várias maneiras: em um adesivo no computador, se você o adquiriu com o sistema pré-instalado, gravado no DVD, se você comprou uma cópia física ou em um e-mail, se você comprou a licença digital.

3) Se você não conseguir encontrar a chave de licença, no Windows 7, abra o prompt de comando como administrador e execute o comando “wmic path softwarelicensingservice get OA3xOriginalProductKey”.

 

 

 

Método 1: Atualização

 

 

A atualização direta do Windows 7 ou Windows 8/8.1 é a maneira mais simples para obter o Windows 10 2004 de graça. Uma vez feito o backup de dados e com o código de licença do produto em mãos, o processo de atualização é muito simples, e é o mesmo utilizado para atualizar as versões anteriores do Windows 10.

 

1) Vá ao portal do Windows 10 e clique no botão “Baixe a ferramenta agora” para obter a ferramenta de criação de mídia.

2) Execute o arquivo “MediaCreationTool2004.exe” armazenado em seu computador e aceite os termos da licença.

3) Na próxima tela, selecione “Atualize este computador agora”.

 

O assistente vai concluir a instalação, atualizando seu computador para o Windows 10 e, normalmente, se você executar o processo a partir de um computador licenciado válido do Windows 7 ou Windows 8.1, ele validará automaticamente o sistema conectando-se aos servidores de ativação da Microsoft.

No final da instalação, vá até o Menu Iniciar > Configurações > Atualização e Segurança > Ativação. Se o processo foi realizado corretamente, você vai ver a licença ativada. Caso contrário, selecione o item “mudar a chave do produto”, e digite a chave alfanumérica que você tem do Windows 7/8/8.1. Isso funciona em 99% dos casos.

 

 

 

Método 2. Instalação do zero

 

 

Funciona para a instalação limpa. Complete o processo de cópia de segurança e obtenha a licença do produto descrita no método anterior. A partir desse ponto, o processo é o mesmo que o de uma instalação típica do sistema.

 

1) Vá ao portal do Windows 10 e clique no botão “Baixe a ferramenta agora” para obter a ferramenta de criação de mídia.

2) Execute o arquivo “MediaCreationTool2004.exe” armazenado em seu computador e aceite os termos da licença.

3) Na próxima tela, selecione “Criar mídia de instalação”.

4) Depois de escolher o idioma, a edição do Windows e a arquitetura, selecione qualquer uma das duas opções a seguir.

5) O primeiro cria a mídia inicial de forma direta, enquanto que o segundo baixa uma imagem ISO para que você possa gerar a mídia em um momento posterior (em DVD ou pendrive).

 

As duas formas montam a mídia de instalação e atualização para outros equipamentos, utilizando a licença manualmente caso os servidores de ativação da Microsoft não validarem automaticamente, como é o normal no processo de atualização.

 

 

 

E se eu não tenho a licença do Windows 7 ou 8.1?

 

 

Se você montou um PC novo por conta própria, não possui uma licença de uma versão anterior e não quer pagar o alto preço pelo Windows 10, é possível obter uma chave de licença do Windows 7 com um preço muito barato no Mercado Livre, e a mesma vai funcionar como uma licença do Windows 10.

Sim, elas existem, mesmo que (em teoria) não podemos comprar essas licenças. Sim, sua legalidade é duvidosa, mas seguindo o método de instalação limpa, a Microsoft “legaliza” tais versões, validando o equipamento sem qualquer dificuldade.

 

 

 

E se eu não quer o Windows 10?

 

 

Eu me pergunto por que você leu esse post até aqui, mas… mesmo assim… você pode seguir usando o Windows 7, mas sem suporte oficial e correções de segurança, é o mesmo que deixar a sua casa aberta no mesmo dia em que ocorre uma fuga em massa de um presídio de segurança máxima.

Outra alternativa é migrar para o macOS, mas pagando uma fortuna por um equipamento novo. Você também pode economizar uma grana migrando para o Linux, que é de graça e tem múltiplas distribuições, incluindo aquelas que estão especialmente pensadas a convencer os usuários do Windows 7 a realizar a mudança para um novo software.


Compartilhe