Compartilhe

A Xiaomi Mi Band 3 é muito popular. A terceira geração da smartband da Xiaomi é uma boa evolução em relação ao modelo anterior, com uma tela OLED touch de 0.78 polegadas, 110 mAh de bateria e certificação IP68 para resistência à água e poeira. Sem falar no seu preço matador.

Muita gente pensa na compra desse dispositivo para começar no mundo dos wearables. Por isso, é importante saber quais são os requisitos mínimos que o seu smartphone deve ter para poder se conectar com a Mi Band 3, usar o app Mi Fit e os recursos de desbloqueio. A maioria não deve ter problemas, mas… vai que…

 

 

Requisitos mínimos muito acessíveis

 

A Xiaomi Mi Band 3 usa o Bluetooth 4.2 LE (Low Energy) para se conectar aos dispositivos, e esse padrão é compatível com qualquer gadget com Bluetooth 4.0 ou superior. No Android, a forma mais fácil de eliminar as dúvidas é realizar o download de algum aplicativo verificador para descobrir se o seu smartphone realmente cumpre esse padrão.

Já no caso do iPhone, todos os modelos a partir do 4S contam com o Bluetooth 4.0 ou superior, o que não deve gerar problemas para a maioria dos usuários. Sobre o sistema operacional, é necessário ter o app Mi Fit no smartphone para sincronizar com a pulseira, receber notificações, atualizar o firmware, etc. O mínimo que é exigido são: Android 4.4 KitKat ou superior e iOS 9.0 ou superior.

Em resumo: praticamente todos os smartphones em uso no mercado são compatíveis com a Xiaomi Mi Band 3.

Por fim, vale destacar que a Mi Band 3 é compatível com o Smart Lock, recurso do Android que salta a tela de bloqueio quando um dispositivo de confiança está conectado por Bluetooth. Para a configuração desse item, é preciso ter o Android 5.0 Lollipop ou superior, ou a MIUI 4.4 ou superior.

Siga os passos para configurar:

1. Abra o app de Ajustes no seu smartphone.
2. Vá em Segurança e Localização, e selecione Smart Lock.
3. Digite o PIN, padrão ou senha.
4. Siga as instruções que são exibidas na tela.


Compartilhe