TargetHD.net | Notícias, Dicas e Reviews de Tecnologia Como reforçar a segurança na internet para começar bem o novo ano | TargetHD.net Press "Enter" to skip to content
Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | Dicas, Truques e Macetes | Como reforçar a segurança na internet para começar bem o novo ano

Como reforçar a segurança na internet para começar bem o novo ano

Compartilhe

O início de um novo ano é o melhor momento para reforçar a sua segurança na internet. Você tem tempo de sobra para estudar e aplicar na prática as dicas que foram publicadas ao longo do ano anterior. E não tem problema em reforçar essas dicas agora.

Com tantos dispositivos conectados e com tantos dados circulando por aí, vale a pena ter um cuidado maior com a segurança na internet. E essa nem é uma missão tão complicada assim. Basta ter um pouco de bom senso e não ser preguiçoso.

Neste post, vamos mostrar (ou melhor revisar) algumas boas dicas para reforçar a sua segurança na internet para começar bem o novo ano que mal começou.

 

 

 

Proteja os navegadores

Reforce as seguranças nos navegadores web que você instalou no computador, smartphone ou tablet.

Revise a codificação ponta a ponta na sincronização, reforce as configurações de isolamento de processos (ou sandbox), e fique atento aos alertas sobre sites inseguros emitidos pelos navegadores web.

Também vale a pena revisar as extensões que estão instaladas no navegador, ou até mesmo usar o Modo Convidado para constatar algum comportamento anormal no software. Por fim, o Modo Anônimo reduz o rastreamento por cookies e o monitoramento de sessões de usuário que estão abertas. Por isso, vale a pena usar esse modo de navegação de tempos em tempos.

 

 

 

Atualize o sistema operacional e os aplicativos

Deixar de atualizar o seu dispositivo é um dos erros mais grosseiros que você pode cometer. Por isso, não negligencie essa questão. É para o seu próprio bem.

Tão importante (ou mais) que o item anterior é atualizar os aplicativos instalados, evitando assim as brechas de segurança presentes em versões antigas. De novo: você não pode ter preguiça em realizar atualizações de software. Jamais.

 

 

 

Use soluções de segurança

O Windows Defender é de uso obrigatório no sistema operacional da Microsoft para os usuários mais leigos. Porém, usuários avançados ou profissionais devem considerar o uso de softwares de terceiros que são especializados na detecção de ransomwares, phishing, adwares ou spywares.

 

 

 

Gerencie muito bem as suas senhas

Outra regra de ouro para aumentar a sua segurança na internet.

Ter uma senha forte e diferente para cada site ou serviço é o mundo perfeito, mas se você não consegue memorizar tanta informação, use um gestor de senhas eficiente.

Além disso, é fundamental utilizar uma senha forte e complexa para evitar os ataques de força bruta. Vale a pena conferir as dicas que já publicamos sobre este tema ao longo dos últimos meses. Compartilhamos regras valiosas para criação e gerenciamento de senhas complexas.

 

 

 

Use a autenticação em dois passos

Você já deveria usar isso desde sempre, mas como tem muita gente que ainda não ativou este recurso…

A autenticação em dois passos oferece uma camada adicional de segurança nas contas, evitando uma invasão direta à conta quando o atacante possui o nome de usuário e senha.

A maioria dos serviços mais importantes na internet conta com a autenticação em dois passos, que pode ser um código de verificação enviado por um aplicativo ou via SMS. Faça a configuração de acordo com o serviço que deseja reforçar essas defesas.

 

 

 

Considere o uso da codificação de dados

A codificação da unidade BitLocker é uma característica de proteção de dados disponível nas edições Professional e Enterprise do Windows 10 e 11. Ele protege os seus dados mais importantes das ameaças mais sérias, como roubo de dados ou exploração em caso de perda ou roubo do dispositivo.

O BitLocker protege a unidade de armazenamento interno ou externo dessas ameaças. Algumas soluções de terceiros entregam o mesmo nível de segurança ou um pouco mais, dependendo do desenvolvedor. Utilize a solução que melhor atende as suas necessidades.

 

 

 

Use uma chave de segurança de hardware para as contas mais vitais

Para os usuários profissionais ou empresariais, vale a pena realizar um investimento adicional em um mecanismo de segurança de hardware. Normalmente é um pendrive que se conecta à USB do computador, executando um motor de codificação de elevada segurança. É muito mais eficiente que os softwares que você instala no PC para a mesma finalidade.

 

 

 

Evite as redes sem fio gratuitas

Já falamos sobre isso várias vezes, mas redes abertas em shoppings e aeroportos são muito mais vulneráveis aos ataques cibernéticos. Elas são facilmente pirateáveis. Logo, só utilize um WiFi gratuito de forma ocasional e para tarefas casuais.

 

 

 

Use as cópias de segurança

Não existe 100% de segurança em um mundo conectado, e os seus dados podem ser sequestrados a qualquer momento. Por isso, é sua obrigação realizar várias cópias de segurança ou backups em diferentes fontes e tipos de armazenamento. Além da maior segurança aos dados, essa é uma tarefa de manutenção que ajuda a contribuir com a saúde do hardware do seu computador.

 

 

 

Use o senso comum

Como dica final, ter um pouco de bom senso no uso da internet é, talvez, a melhor dica que podemos passar. Não clique em qualquer link que você recebe pelas redes sociais, verifique com atenção os anexos e links em e-mails, não deixe o sistema operacional desatualizado e outras medidas pontuais podem evitar que o pior aconteça.


Compartilhe