O Uber é um serviço excelente. Eu uso quase todos os dias, e não é apenas pelos valores reduzidos, mas pela qualidade do serviço. Porém, gente desonesta tem em qualquer lugar. No Brasil, inclusive (pasmem).

Uma das práticas que mais me irrita em alguns motoristas malandros do Uber é a de ligar para o passageiro, como quem não quer nada, para “confirmar o local do destino”. Se o motorista entende que o local não é tão distante, ele fica rodando à esmo, como se não soubesse onde é o endereço de origem da corrida (GPS pra quê, né?).

O objetivo aqui é fazer o passageiro cancelar a corrida para que o motorista receba o re-embolso da corrida cancelada pelo meio mais fácil, para que depois ele possa pegar rapidamente uma nova corrida, que tem mais chances de ser mais cara. Uma estratégia meio burra, para falar a verdade, pois as despesas de combustível e o tempo gasto pelo motorista rodando por aí podem se equivaler, dependendo da boa vontade do passageiro em esperar.

E é justamente baseado na “boa vontade” que a dica desse post pode valer a pena. Saiba que você pode penalizar o motorista não apenas na eventual reclamação feita, mas em “prender” o motorista na sua corrida, forçando ele a realizar o cancelamento da mesma.

 

 

O truque funciona melhor quando você está com outra pessoa que utiliza o Uber. Se você pedir um carro e cair na situação de ter um motorista enrolão, no lugar de você cancelar a corrida e pedir outro carro, peça para alguém que está com você pedir a segunda corrida em uma segunda conta no Uber. Corrida essa que tem mais chances de acontecer.

Enquanto isso, você deixa a sua corrida não realizada na espera. Ou o motorista fica rodando por nada, ou ele vai cancelar a corrida, e você não será penalizado, muito menos cobrado por uma corrida que você não cancelou.

Quando você está sozinho, a única alternativa para não ser cobrado é deixar a “corrida” rolando (sem cancelar), e procurar outro meio de transporte (ônibus, táxi, etc). Sai mais caro, mas ao menos você não se torna vítima de motoristas malandros, que querem o nosso dinheiro no menor esforço.

Lembrando: não é engraçado se valer dessa dica para passar trotes em motoristas honestos. Você também será avaliado negativamente caso peça um carro e não está no lugar de origem, e pode ser excluído do serviço pela baixa qualificação.