Como migrar a Mi Band 5 para o smartphone novo sem perder dados

Compartilhe

Você comprou um smartphone novo ou recebeu um telefone de presente de alguém durante as festas de final de ano, e é proprietário de uma pulseira inteligente Mi Band 5.

E, nesse momento, está procurando uma forma eficiente para fazer a migração dos dados da pulseira do telefone antigo para o novo, sem morrer na tentativa (ou sem matar a pulseira no processo).

Calma. Essa operação é mais simples do que você pode imaginar. E esse post tem como objetivo facilitar o processo para aqueles que se sentem um pouco perdidos nesse momento.

 

 

 

Diga adeus ao seu smartphone antigo

 

Abra o aplicativo Mi Fit no smartphone antigo e ative o Bluetooth do smartphone para vincular com a pulseira e sincronizar os dados.

Isso é muito importante para fazer um backup de todos os dados coletados pela pulseira. Se isso não for feito, você vai sincronizar a Mi Band 5 com o novo smartphone, mas não vai recolocar os dados da mesma no dispositivo.

O grande segredo aqui é que o vínculo da pulseira com o smartphone está relacionado com a conta Mi. Ou seja, você não deve desvincular a Mi Band ao telefone em um primeiro momento.

Mas deve seguir o procedimento abaixo.

 

 

 

Desinstalar a Mi Fit para evitar erros

 

Após a sincronização dos dados da Mi Band 5 com a conta Mi no telefone antigo, desinstale o app da Mi Fit em Ajutes > Aplicativos > Mi Fit > Desinstalar.

Também é recomendado desligar o Bluetooth do smartphone antigo ou desligar por completo o telefone. Assim, a conexão será mais rápida, mais precisa e sem erros no telefone novo.

 

 

 

Utilize a mesma conta no novo smartphone

 

 

  1. Instale o aplicativo Mi Fit no seu smartphone novo. Abra o aplicativo, e inicie a sessão com a mesma conta Mi que estava habilitada no smartphone antigo, com o mesmo endereço de e-mail e senha, com a conta Google ou com outros recursos vinculados à conta.
  2. No app Mi Fit, vá em Perfil, e verifique se a Mi Band 5 está detectada. Caso contrário, a pulseira pode estar associada a outra conta, e é preciso encerrar a sessão antiga, da mesma forma que fizemos no smartphone antigo um pouco antes.
  3. Uma vez que a pulseira está sincronizada com o telefone novo, basta tocar em Perfil > Mi Band 5, e acessar o item de alerta de aplicativos para voltar a dar as permissões necessárias para os alertas de mensagens e chamadas que devem chegar na pulseira.
  4. Aproveite também e faça todos os ajustes de configurações que você entende ser pertinentes na pulseira.

 

E é dessa forma que você consegue migrar a sua Mi Band 5 do seu smartphone antigo para o seu novo telefone, sem perda de dados e sem matar a pulseira na tentativa.


Compartilhe