TargetHD.net | Notícias, Dicas e Reviews de Tecnologia Como fazer o Word salvar os documentos automaticamente no armazenamento interno | TargetHD.net Press "Enter" to skip to content
Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | Dicas, Truques e Macetes | Como fazer o Word salvar os documentos automaticamente no armazenamento interno

Como fazer o Word salvar os documentos automaticamente no armazenamento interno

Compartilhe

A mais recente versão do Microsoft Office está profundamente integrada com o OneDrive, serviço de armazenamento na nuvem da gigante de Redmond. Algo bem lógico, uma vez que a grande maioria dos dispositivos informáticos estão conectados na internet de alguma forma.

Mas sempre vai existir aquele grupo de usuários que não podem (ou não querem) contar com o OneDrive, e prefere acessar os seus documentos mais importantes no armazenamento interno do computador ou smartphone.

Neste caso, é preciso realizar um pequeno procedimento para fazer com que o Word entenda o que você deseja. E neste post, vamos mostrar como você pode fazer isso.

 

 

 

Evite perder documentos inclusive sem sincronização na nuvem

Quando você está editando um documento no Word, ele será salvo na nuvem do OneDrive de forma automática, a cada vez que você escreve um novo caractere. Esse é um recurso muito bem vindo quando você tem uma conexão com a internet ativa, mas pode ser um problema quando estamos trabalhando fora de casa.

Se você prefere que os seus documentos sejam salvos de forma local o tempo todo, ou seja, utilizando o espaço de armazenamento do seu dispositivo, você precisa fazer com que o Word entenda isso.

É importante lembrar que o recurso que salva automaticamente as alterações dos documentos no Word só está disponível no uso com o OneDrive. Mas uma função existente no editor de textos da Microsoft pode fazer esse papel de forma similar.

Faça o seguinte:

  1. Abra um novo documento no Word.
  2. Clique em Arquivo > Opções no menu do lado esquerdo.
  3. Na janela emergente que vai abrir, acesse na barra lateral o item Salvar.
  4. Mude o local padrão onde o Word salva os documentos marcando o item “Salvar no PC como padrão” e clique em Procurar para escolher a pasta onde os documentos serão salvos.

Agora, é preciso alterar o tempo em que o Word salva automaticamente as alterações na memória, permitindo a recuperação dos mesmos em caso de problemas. O tempo padrão do programa é de 10 minutos, o que é muito tempo, dependendo do tipo de trabalho em desenvolvimento.

Você pode reduzir este número para apenas 1 minuto, e o Word vai salvar os dados automaticamente a cada 60 segundos. Não é exatamente a mesma coisa que o OneDrive faz (que salva tudo automaticamente a cada caractere novo digitado), mas é melhor do que nada.

 

 

 

Conclusão

Dessa forma, você faz com que o Word salve as alterações realizadas nos documentos de forma local e com um intervalo de um minuto, o que é bem razoável para quem não quer depender do OneDrive o tempo todo.

O mais importante aqui é você ter sempre em mente que o software sempre pode (e deve) oferecer opções para atender as suas necessidades. Um programa que deixa o usuário refém de seus recursos não é o ideal.

O Word ainda é um dos programas mais utilizados do mundo, apesar das diversas alternativas gratuitas e online disponíveis. Logo, a dica que compartilhamos nesse post certamente vai ajudar a muitos usuários que produzem e editam os seus textos no programa da Microsoft.


Compartilhe