Se você tem um smartphone Android, já sabe que a Google registra e controla cada um dos seus movimentos, mesmo que você tenha desativado o histórico de localizações.

A pior parte é que a Google deixa claro que faz isso nos termos de uso (que, com certeza, você não leu), saltando todos os obstáculos teoricamente possíveis que a ausência do tal histórico impõem.

Muitos serviços da Google nos smartphones Android e até no iPhone rastreiam e armazenam os dados de localização dos usuários. Quem usa o Google Mapas todos os dias está acostumado, pois a localização aqui é algo imprescindível. E é assim que todos os seus movimentos são registrados pelo histórico de localização.

Pausar o histórico de localização não serve para nada. Na verdade, só evita que os dados sobre onde você está fiquem armazenados. Porém, alguns aplicativos seguem armazenando esses dados de forma automática, sem que o usuário saiba disso.

Mais. As atualizações realizadas automaticamente para obter informações sobre a previsão do tempo também registram onde você está. E algumas buscas realizadas no Google não relacionadas ao local do usuário também armazenam a latitude e longitude do mesmo, com o os dados armazenados automaticamente na conta da Google.

A Google explica que são transparentes na hora de ajudar os usuários a gerenciar o seu histórico de localizações, atividades web, aplicativos e serviços de localização dos dispositivos.

A empresa considera que são claros ao descrever os recursos, e que os controles são simples o suficiente para que as pessoas sem grandes conhecimentos técnicos possam ativar, desativar ou eliminar o histórico de localizações a qualquer momento.

 

 

Como desativar o monitoramento do Google

A única forma de desativar o histórico de localização é ir direto no aplicativo da Google e em Configurações > Dados e personalização > Controles de atividades.

Muito provavelmente você vai encontrar o recurso ativo por padrão. É recomendado desligar e, em princípio, a Google deixa de seguir os seus movimentos. O que não fica claro é se suas buscas anteriores também serão eliminadas. O mais provável é que não.