Compartilhe

Existem algumas formas de manter o seu anonimato na internet, e enviar um e-mail de forma anônima pode ser fundamental para usuários dos mais diferentes níveis. Nesse post, mostramos uma das formas mais “anônimas” (dentro do possível) para mandar um correio eletrônico pela internet.

 

 

Saia da sua casa

 

Pode ser o e-mail mais anônimo do mundo. De nada vai servir se, na hora de enviar o e-mail, você o fizer da sua casa, a partir do IP de sua conexão residencial.

A melhor alternativa é utilizar qualquer espaço público para se conectar a uma rede pública, ou encontrar em algum lugar uma rede WiFi segura e de qualidade. Se a sua paranoia for elevada, você pode tirar qualquer dispositivo conectado de sua casa. Ou seja, nada de smartphones, tablets ou relógios inteligentes que podem indicar a sua localização.

 

 

Use o TOR e/ou um VPN

 

 

São formas bem seguras de se conectar à internet, especialmente em uma rede WiFi pública. Porém, o VPN oculta apenas alguns dados de sua conexão, o que não garante o anonimato.

Primeiro, porque você precisa contratar um VPN de forma prévia (descarte aqui as VPNs gratuitas), e nesse momento você vai usar o seu cartão de crédito, que tem um número. Algumas VPNs aceitam outros métodos de pagamento, mas é preciso ter cuidado com os provedores de pagamento, pois alguns deles violam o direito de anonimato dos seus usuários.

Diante de tudo isso, o TOR é mais interessante. O navegador web The Onion Router encripta a conexão de internet com vários nós, ocultando o IP real da conexão. Você pode usar o TOR instalado no computador ou via pendrive, que é até melhor, pois não levanta maiores suspeitas.

O TOR funciona como qualquer outro navegador web. A página do projeto oferece informações avançadas sobre o mesmo. E aqui o melhor cenário é enviar o e-mail em uma rede WiFi pública via VPN, através de um navegador TOR.

Leve em consideração que você vai utilizar o TOR com atividades que você exclusivamente não vai realizar no seu navegador tradicional. Qualquer outro processo realizado em segundo plano será conectado de forma tradicional, e vai compartilhar dados com o mundo.

 

 

Utilize um serviço de e-mail anônimo

 

 

É fácil encontrar dezenas de serviços de e-mail ‘confidenciais’. É só ‘dar um Google’. Se a ideia é enviar um único e-mail, utilize o Guerrilla Mail ou o Secure-Email.org, duas excelentes opções. Mas se você pretende enviar e-mails anônimos com maior frequência, o ProtonMail é a sua opção. Este é o serviço de correio eletrônico mais seguro do mundo, encriptando mensagens e contando com um sistema de auto-destruição duas horas depois do seu recebimento.

ONGs, ativistas, jornalistas e várias empresas usam o ProtonMail como plataforma de comunicação segura. Da mesma forma que o Signal desbancou o WhatsApp no campo da privacidade, o ProtonMail faz o mesmo com os clientes de e-mail como Gmail, Outlook, Yahoo e vários outros.


Compartilhe