TargetHD.net | Notícias, Dicas e Reviews de Tecnologia Como desabilitar as abas do Explorador de Arquivos do Windows 11 | TargetHD.net Press "Enter" to skip to content
Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | Dicas, Truques e Macetes | Como desabilitar as abas do Explorador de Arquivos do Windows 11

Como desabilitar as abas do Explorador de Arquivos do Windows 11

Compartilhe

Nem todas as mudanças no Windows são bem recebidas pelos seus usuários. Basta perguntar para todo mundo que estava diante do computador quando o Windows 8 chegou, e você vai tr uma ideia melhor do que eu quero dizer. E no caso do Windows 11, não é muito diferente.

As abas do Explorador de Arquivos do Windows não caíram no gosto de todo mundo. A nova característica desembarcou no sistema operacional da Microsoft no Windows 11 22H2, e muitos se deram conta que, na prática, a sua implementação não aconteceu como se prometia na teoria.

Neste artigo, vamos mostrar como você pode desabilitar as abas do Explorador de Arquivos do Windows 11, devolvendo a esse recurso o comportamento original deste aspecto do sistema operacional.

 

O que não deu certo neste caso?

As abas do Explorador de Arquivos do Windows 11 são melhores na teoria do que na prática. Vários erros foram detectados pelos usuários, e nem todas as funções prometidas pela Microsoft foram entregues.

É importante lembrar aqui que essas abas permitem (ou pelo menos prometiam) que os usuários realizem múltiplas tarefas, se deslocando entre diferentes diretórios sem a necessidade de ativar instâncias duplicadas do mesmo aplicativo. A função é muito semelhante a algo que o macOS possui no Finder e nos gestores de aplicativos do Linux, e também pode ser encontrado em exploradores de arquivos de terceiros.

No Windows, essa era uma das funções mais solicitadas pelos usuários cadastrados no Microsoft Feedback Hub. O recurso foi testado nas compilações prévias do Windows 10 em 2017, mas foi eliminada com o passar do tempo. E a Microsoft entendeu que dava para colocar a funcionalidade no Windows 11 22H2, mas a existência deste artigo em si mostra que sua implementação não foi bem feita.

A boa notícia aqui é que podemos remover essa funcionalidade no Windows 11 sem maiores dificuldades. Qualquer pessoa com o mínimo de habilidade informática pode remover o recurso seguindo os passos que serão detalhados a partir de agora.

 

Como desabilitar as abas do Explorador de Arquivos do Windows 11

Se você não quer ter que lidar com os problemas detectados por outros usuários nas abas do Explorador de Arquivos do Windows 11 até que a Microsoft decida trabalhar melhor na melhoria dessas funcionalidades, pode remover o recurso seguindo os passos disponíveis neste artigo.

Porém, antes de começar, recomendamos que você realize uma cópia de segurança de sua instalação do Windows. Por mais que o processo seja relativamente simples na sua execução, estamos alterando áreas sensíveis do sistema operacional, o que obriga a ser minimamente previdente antes de avançar no procedimento.

O Windows 11 não possui de forma nativa uma área de configuração para administrar o comportamento e as funções das abas do Explorador de Arquivos ou recursos relacionados. Logo, você vai precisar utilizar ferramentas de terceiros para executar a dica deste arquivo.

Isso é necessário justamente para que você possa utilizar funções ocultas e experimentais, que só estão disponíveis nas compilações de preview do Windows 11. O aplicativo neste caso vai trabalhar com linhas de comando, em um procedimento que é bem simples de ser executado.

Faça o seguinte:

  1. Faça o download do programa ViveTool, disponível no GitHub, e salve o arquivo em seu computador.
  2. Faça a descompressão dos arquivos em sua unidade de armazenamento.
  3. Pressione as teclas Windows + X e selecione Terminal (em modo de Administrador).
  4. Mude o Terminal par ao perfil de símbolo de sistema (ou Prompt de Comando), pressionando as teclas CTRL + SHIFT + 2, ou clicando no botão de flecha na parte superior da janela.
  5. Navegue até a pasta onde estão os arquivos extraídos do ViveTool, utilizando o comando CD. Por exemplo, se o software foi extraído em C:\Vive, digite: CD C:\Vive.
  6. Agora, digite: vivetool /disable /id:37634385, e pressione ENTER.
  7. Agora, digite: vivetool /disable /id:36354489, e pressione ENTER.
  8. Saia do Terminal, reinicie o computador e verifique se as mudanças foram aplicadas.

Se você seguiu os passos com atenção, as abas do Explorador de Arquivos do Windows 11 serão desabilitadas, e você terá a experiência desse software tal e como sempre aconteceu.

Antes de terminar este artigo, é importante lembrar ao amigo leitor que, caso você mude de ideia e deseje restaurar as abas no Explorador de Arquivos, basta repetir os passos indicados acima e substituir o termo /disable por /enable nos passos 6 e 7 do tutorial.


Compartilhe