Wetten.com Brasil Apostas
Home » Desktop PC » Como clonar o Windows 10 para um SSD

Como clonar o Windows 10 para um SSD

Compartilhe

Se você decidiu dar uma turbinada no seu computador para melhor o seu desempenho e dar mais alguns anos de vida útil ao equipamento, você caiu no post certo.

Sei que muita gente fez esse tipo de atualização no seu computador, pois descobriu que precisava dele para realizar o trabalho remoto, o home office e o ensino à distância.

E essa foi a solução mais econômica para garantir que essas pessoas realizassem essas tarefas.

Por isso, neste post, vamos deixar uma espécie de “passo a passo” sobre o que você precisa fazer para realizar um procedimento que facilita (e muito) todo o processo: clonar o Windows 10 para um SSD.

 

 

 

Por que você deve dar prioridade para isso?

 

Porque o procedimento de clonagem do Windows 10 para uma unidade de SSD vai agilizar de forma considerável o processo de upgrade do equipamento.

Dessa forma, o tempo que você vai poupar no processo em deixar o computador em funcionamento é gigantesco. Nada de fazer o download do sistema operacional, trabalhar na formatação, instalação do Windows 10, realizar todas as configurações mais pertinentes, instalar todos os seus programas mais importantes e a migração dos seus arquivos pessoais.

A migração faz tudo isso, de forma automática.

Sem falar no estresse que você vai evitar em não precisar passar por esse processo que, para algumas pessoas, pode ser traumático.

Agora que você entendeu os argumentos a favor da clonagem do Windows 10 para um SSD, chegou a hora de você entender quais são as duas decisões mais importantes para que esse procedimento seja bem sucedido no seu computador.

 

 

 

Compre um bom SSD

 

 

Em regra geral, qualquer SSD já é melhor do que qualquer HD mecânico, mesmo na velocidade de 7.200 RPM. O desempenho de uma unidade de armazenamento com disco sólido é muito superior.

Porém, existem diferentes tipos de SSDs.

Se você está com o orçamento mais baixo, comprar um SSD SATA para substituir o seu velho HD mecânico pode ser a sua solução. O desempenho vai melhorar e muito com essa simples mudança.

Agora, se você pode investir um pouco mais e o seu computador ou notebook (principalmente no caso do computador portátil) for compatível, compre um SSD no padrão M.2.

Um SSD M.2 é bem mais caro que o padrão SATA, mas entrega um desempenho muito melhor, além de ser mais econômico no consumo de energia.

De qualquer forma, faça a escolha mais alinhada com as suas possibilidades e perspectivas.

 

 

 

Procure um bom aplicativo para clonar o Windows 10

 

 

Existem vários softwares gratuitos e pagos que podem realizar a parte mais importante do processo, que é a clonagem efetiva do Windows 10 instalado no antigo disco rígido para o novo SSD.

Uma rápida busca no Google vai indicar os softwares mais populares, que contam com diferentes características e propostas de clonagem. Escolha aquela que melhor se alinha com as suas necessidades.

Recomendamos que você realize o processo de clonagem em um momento onde você não está utilizando o computador para as suas tarefas mais importantes.

Não apenas para não ter a sua rotina atrapalhada, mas também pelo fato do processo levar um certo tempo para ser concluído.

Além disso, tenha atenção redobrada na hora de instalar fisicamente o SSD, e abrace a paciência para que o processo seja concluído sem maiores interrupções, evitando principalmente os casos de queda de energia.


Compartilhe