Compartilhe

Os iPhones foram os grandes “culpados” pelo fato da identificação biométrica ter se tornado tão popular. Primeiro com o Touch ID, que popularizou os leitores de impressões digitais nos smartphones, e depois com o Face ID, que fez o mesmo com a identificação pelo rosto.

No entanto, a verdade é que esses métodos não funcionam bem se não forem usados ​​pelo software. O iOS e muitos de seus aplicativos nos permite o uso desses sistemas para bloquear o smartphone ou impedir que alguém use um determinado aplicativo. E agora é o WhatsApp que entra no carrinho de autenticação biométrica, com a versão mais recente de seu aplicativo.

 

 

Agora podemos bloquear o Whatsapp com o Face ID

O WhatsApp para iOS foi atualizado para a versão 2.19.20. A grande novidade é que agora podemos bloquear o WhatsApp via Face ID ou Touch ID. Dessa forma, ninguém poderá ler nossas mensagens, a não ser nós mesmos ou a pessoa que tem a impressão digital ou rosto cadastrado no dispositivo.

É preciso esclarecer que essa função só impede que alguém abra o aplicativo e leia nossas mensagens, mas ainda é possível ler as notificações que aparecem e usar o método de resposta rápida para nos representar. Mesmo assim, essa é uma barreira que pode ser muito útil em algumas situações.

Por exemplo, se alguém nos pedir o telefone para fazer uma chamada, podemos assim impedir que a pessoa se aproveite desse argumento para abrir o WhatsApp e descobrir nossas conversas. Ou se tivermos desbloqueado o iPhone e deixamos o smartphone sobre a mesa, alguém poderia pegá-lo antes que a tela fique bloqueada.

Para usar esse recurso, precisamos primeiro atualizar o WhatsApp na App Store. A mais recente versão (no momento em que esse post é produzido) é 2.19.20. Depois de atualizado, você faz o seguinte:

 

– Vá para “Configurações” e “Conta”.
– Em “Privacidade”, clique em “Bloqueio de tela”.
– Aqui podemos ativar o Face ID ou o Touch ID (depende do modelo do iPhone que temos).
– Também podemos fazer com que a identificação seja necessária após algum tempo. Por exemplo, se deixarmos o WhatsApp aberto por um minuto.

 

Esta é uma novidade que chega para melhorar a nossa privacidade com o WhatsApp. Ele deve estar disponível para todos os usuários do iOS de forma gradativa nos próximos dias.


Compartilhe