Como assistir ao evento onde a Apple promete se reinventar como empresa de serviços | TargetHD.net
TargetHD.net | Notícias, Dicas e Reviews de Tecnologia Como assistir ao evento onde a Apple promete se reinventar como empresa de serviços | TargetHD.net Press "Enter" to skip to content
Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | Notícias | Como assistir ao evento onde a Apple promete se reinventar como empresa de serviços

Como assistir ao evento onde a Apple promete se reinventar como empresa de serviços

Compartilhe

A Apple vai realizar hoje (25) no Steve Jobs Theater o evento centrado nos seus serviços mais importante de sua história. Muitos veículos norte-americanos afirmam que essa é a reinvenção da empresa, algo necessário com a queda nas vendas de hardware. Assim, a lei de compensação viria com novos produtos por assinatura, principalmente um serviço de streaming inédito.

A mudança é fundamental, e é o maior movimento estratégico da Apple desde o lançamento do iPhone em 2007. A pressão sobre Tim Cook para a entrega de serviços é enorme, e o streaming de vídeo é um eixo potencial de crescimento.

 

 

O que esperar do evento da Apple de hoje?

 

Com o mercado de hardware estagnado, a “Netflix da Apple” tem tudo para ser o principal destaque do evento. A estratégia aqui seria seguir os passos do Amazon Prime Video, ou seja, um serviço gratuito para usuários premium (com um dispositivo Apple) e alimentado por conteúdos próprios e originais (há um investimento de US$ 1 bilhão em 2018 para essa finalidade).

O serviço de streaming da Apple permitiria a contratação de outros canais, como HBO (HBO Now, via Apple TV), Viacom Inc, Showtime ou Lionsgate Entertainment. Especula-se um preço de US$ 10 por canal, do qual a Apple receberia uma porcentagem desse valor. Levando em conta a posição da empresa, podemos ver aqui a vitória em definitivo do streaming como o principal formato de distribuição de conteúdos da atual geração.

Outro serviço que pode ser apresentado hoje é a renovação do Apple News. Custaria US$ 10 mensais, oferecendo acesso a revistas e jornais digitais. Especula-se que a Apple ficaria com 50% das receitas.

A Apple também pode apresentar um cartão de crédito próprio em parceria com a Goldman Sachs, que permitiria a aquisição de produtos Apple, incluindo os seus novos serviços. Por fim, um serviço de jogos sob demanda pode ser anunciado. Não sabemos se será um serviço de streaming ou algum modelo de assinatura para obter acesso ilimitado aos jogos da App Store.

O evento começa às 10 a.m. no horário de Cupertino (14h, horário de Brasília), mas a Apple já liberou o streaming para os mais ansiosos. Você pode ver o evento através de um iPhone, iPad ou iPod touch através do Safari com iOS 10 ou superior, em um Mac via Safari com o macOS Sierra 10.12 ou superior, ou no Apple TV via AirPlay.

Também é possível conferir o streaming a partir de um PC com Windows 10 no navegador Edge.

Acesse o live streaming do evento da Apple nesse link.


Compartilhe