Compartilhe

O Firefox 70 é uma das versões mais interessantes do navegador web da Mozilla nos últimos tempos. Entre suas novidades, uma se destaca: a Lockwise, ou a renovação do gestor de senhas, que passou de aplicativo para Android e iOS para ser um serviço de senhas unificado ao PC que é acessado através de uma aba no navegador.

Até agora, o gerenciamento de senhas era feito através das preferências em uma nova janela, algo que o Firefox sempre utilizou para gerenciar tudo, inclusive as suas próprias preferências e os favoritos. Uma forma arcaica e pouco prática.

Com a evolução do navegador e da concorrência (aka Chrome), a Mozilla substituiu tal formato por soluções mais cômodas, abrindo os elementos em uma única aba.

Pois bem, antes da implementação do Lockwise, restava apenas um elemento do Firefox que ainda não era exibida em uma aba, e sim em uma janela: os favoritos, ou o catálogo (depois da chegada do Quantum). É de se esperar que mais cedo ou mais tarde as mudanças alcancem esse item, mas até lá ele segue usando o formato de sempre.

 

 

Como gerenciar os favoritos do Firefox em uma aba

Para quem tem muitos favoritos salvos no Firefox e quer poder gerenciar como faria no Chrome (ou seja, em uma aba), há uma forma de fazer isso. É pouco conhecida, mas é eficiente, simples e nativa, dispensando a necessidade de instalar extensões de terceiros. Simplesmente salve um item nos seus favoritos (na barra de ferramentas de preferência, para facilitar o seu acesso) com o endereço abaixo.

chrome://browser/content/places/places.xul

Clique nele, e deixe a mágica acontecer.

 

 

Por que o Firefox não oferece essa opção de forma direta?

Talvez por causa do uso de uma interface herdada (a extensão .xul é de uma linguagem com a qual a Mozilla cria a interface do Firefox, um dos seus detalhes técnicos mais importantes e que mais está lhe custando adaptar aos novos tempos) que está destinada a desaparecer quando for substituída, tal e como aconteceu com outras tantas.

Mas fato é que ela funciona dessa forma há muitos anos. E funciona muito bem.


Compartilhe