Compartilhe

A Samsung segue sem definir uma nova data de chegada ao mercado para o Samsung Galaxy Fold. Mas isso não significa que eles não trabalharam na solução dos problemas apresentados pelas unidades de testes. Um relatório revela que as melhorias já estão em testes, e podem se tornar uma realidade o quanto antes.

A revolucionária tela dobrável foi o foco dos problemas, e é onde a Samsung mais trabalhou para tentar solucionar tudo rapidamente. Algumas das mudanças envolvem a polêmica capa protetora, que passaria a estar integrada na própria tela, além do espaço da dobradiça seria reduzido para evitar o acúmulo de sujeira.

 

 

Adeus, sujeira. Olá, proteção

 

 

Até agora, a capa protetora estava sobre a tela dobrável, e é bem fácil de ser retirada. Para evitar isso, a Samsung ocultaria as bordas abaixo do corpo do telefone, de forma que será praticamente impossível que os usuários possam retirá-lo. Sem falar que a empresa pode incluir advertências mais explícitas e visíveis sobre os danos que o usuário pode causar no dispositivo se retirar essa película.

Por outro lado, a Samsung também investiu em formas de reduzir o espaço que ficava nas partes superior e inferior da dobradiça, e que era o local perfeito para a sujeira entrar e ficar alojada logo abaixo da tela, o que pode causar danos ao smartphone. De fato, um relatório do iFixit já advertiu sobre isso.

Já a Samsung advertiu aos jornalistas depois do envio das unidades de testes sobre a importância de não retirar a capa protetora, mas nem todos cumpriram com essa recomendação. E aqui apareceram os primeiros problemas na tela, que obrigaram a empresa a retirar todos os dispositivos e adiar a sua chegada ao mercado.

Por enquanto, a Samsung está testando as mudanças em diferentes unidades do Galaxy Fold que foram enviadas para diferentes operadoras de telefonia móvel na Coreia do Sul. Se tudo der certo, é esperado que a empresa anuncia a nova data de lançamento do produto nas próximas semanas. E, ao que tudo indica, o telefone com tela dobrável deve chegar ao mercado em junho (em previsão bem otimista).

 

Via Sammobile


Compartilhe