TargetHD.net | Notícias, Dicas e Reviews de Tecnologia Código de proteção de seis dígitos não são mais suficientes para manter um iPhone seguro | TargetHD.net Press "Enter" to skip to content
Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | Telefonia | Código de proteção de seis dígitos não são mais suficientes para manter um iPhone seguro

Código de proteção de seis dígitos não são mais suficientes para manter um iPhone seguro

Compartilhe

Ferramentas como o GrayKey, que podem hackear iPhones de forma rápida mostram claramente que um código numérico de 4 ou 6 dígitos não é mais o suficiente para manter o smartphone da Apple seguro.

É uma falsa sensação de segurança, uma vez que o GrayKey pode pular o tempo de espera para desbloquear o dispositivo, testando todas as possibilidades de forma bem rápida, o que comprova a frágil segurança do código pin.

O GrayKey leva no máximo 13 minutos para encontrar um código PIN de quatro dígitos (em média, 6.5 minutos), e no caso dos códigos com seis dígitos, o código é identificado pelo dispositivo em no máximo 22.2 horas (ou 11.1 horas em média).

Quando o código é de oito dígitos, o tempo médio necessário seria de 46 dias para ser revelado (ou 92.5 dias no máximo). Com 10 dígitos, a média de tempo gasto para descoberta é de mais de 12 anos (ou 24 anos para o pior caso), e aí sim o método de desbloqueio do GrayKey se torna algo impraticável.

Uma forma simples para ampliar o atual código de segurança de 4 dígitos para 8 ou 12 é simplesmente repetir os números, ou variá-los de forma sequencial (exemplo: 1234 passa para 12344321 ou 123443211324).

 

 

De forma alternativa, você pode abandonar os PINs numéricos e optar por uma senha alfanumérica, com letras maiúsculas e minúsculas, números e símbolos. Aqui, mesmo uma senha com 8 ou 9 dígitos é quase impossível de ser descoberta por ataque bruto, a não ser que você escolha uma senha já existente na base de dados de senhas vazadas na web.

Para mudar o estilo de código de desbloqueio do iPhone, vá nas configurações, em Touch ID e senha, digite o PIN atual, e mude para uma nova senha. Depois, vá nas opções de senha, escolha um código alfanumérico customizado e digite a nova senha, com números, letras e símbolos.

O incômodo de usar uma senha assim é muito minimizado pelo fato da identificação ser feita, na maioria dos casos, via Touch ID ou Face ID, onde o código alfanumérico só é utilizado em caso de falhas, quando o iPhone é reiniciado, ou se passa vários dias desde a última utlização da senha.

Do mais, é melhor assumir que as senhas de 4 ou 6 dígitos é o mesmo que não ter proteção nenhuma no iPhone.


Compartilhe