Wetten.com Brasil Apostas
Home » Dicas de Downloads » Clubhouse no Android: vale a pena?

Clubhouse no Android: vale a pena?

Compartilhe

Se você ainda não sabe do que eu estou falando, vale a pena uma breve explicação. O Clubhouse é um aplicativo que oferece as funcionalidades de uma rede social de áudio, onde palestras virtuais e chats livres sobre diversos temas podem acontecer.

O aplicativo ganhou uma enorme popularidade durante o ano de 2020 (e com tudo o que veio com ele no pacote), já que incorporou algumas mecânicas que, historicamente, chamam a atenção dos usuários. Convites exclusivos, engajamento para promoção da plataforma e, em alguns casos mais específicos, dinheiro para quem consegue atrair mais pessoas.

Agora, o Clubhouse chegou ao Android, para a alegria de muitos e indiferença de outros tantos.

E a pergunta a ser respondida é: vale a pena?

 

 

 

Calma, que as conversas só estão começando…

 

 

O fato do Clubhouse chegar ao Android não quer dizer que ele está disponível para todo mundo. Por exemplo, ele vai desembarcar no Brasil apenas amanhã, 18 de maio, assim como vai acontecer em outros países. Agora, se você quiser usar a plataforma no sistema operacional do Google antes dos outros, é possível baixar o APK do mesmo (e já mostrei como fazer isso neste post).

De qualquer forma, o lançamento do Clubhouse no Android é global e progressivo. A cada semana, a Alpha Exploratio (empresa desenvolvedora da plataforma) vai liberar o serviço para um grupo de países, até que em 21 de maio ele esteja disponível em todo o mundo. Por isso, brasileiros, japoneses e russos serão privilegiados.

A mecânica de inclusão no Clubhouse é a mesma válida para o iOS: você pode fazer o download do aplicativo de forma gratuita a partir da Play Store, pode instalar o app no smartphone, pode se inscrever no serviço, mas só poderá participar das conversas de áudio a partir de um convite que outro usuário vai enviar.

 

 

 

Clubhouse no Android: vale a pena?

Eu não vejo motivos para não usar o Clubhouse no Android, apesar das alegações de alguns especialistas em tecnologia que o seu hype está passando.

Temos que considerar que as pessoas estão voltando ao seu ritmo de vida normal (ou algo parecido com isso), apesar da crise sanitária global ainda se fazer presente. Logo, muitos terão menos tempo para ficar participando de debates virtuais por voz pelo smartphone.

Além disso, é fato que o Clubhouse não vai pegar a todos. A mim pelo menos não pegou: achei a proposta interessante, tenho minha conta ativa no iPhone, mas sinto que não estou perdendo muita coisa ao não acompanhar os debates fomentados por eles.

Quem sabe se eu dedicar algum tempo para tornar o Clubhouse algo um pouco mais útil para o meu trabalho. Até lá, vou pensar que o rádio faz exatamente a mesma coisa, e o podcast ainda é um pouco mais atraente.

Mas isso sou eu. Você é outro departamento.

Por isso, recomendo que você faça o download e a instalação do aplicativo do Clubhouse tão logo ele esteja disponível para o sistema operacional Android, e tire suas conclusões por si. Quem sabe você encontra alguma utilidade para ele.

Jamais descarte de cara uma plataforma promissora e que cresceu tanto nos últimos meses. Só tome cuidado com a política de utilização dos seus dados no serviço. Afinal de contas, está mais do que provado que não existe almoço grátis neste mundo.

Principalmente na internet.


Compartilhe