Press "Enter" to skip to content
Você está em | Home | Análises e Reviews | Claro TV+ Soundbox: vale a pena?

Claro TV+ Soundbox: vale a pena?

Compartilhe

As empresas de TV por assinatura estão fazendo de tudo para evitar a fuga de clientes. A Claro é uma dessas operadoras que está se valendo de uma teórica criatividade para manter os usuários dentro dessa proposta.

A última iniciativa da Claro neste sentido é o Claro TV+ Soundbox, que nada mais é do que um set-top box com alto-falante integrado com assinatura da Bang & Olufsen, com suporte ao áudio Dolby Atmos.

Além dos alto-falantes integrados no receptor, o serviço permite que o usuário tenha acesso ilimitado ao serviço Claro Música, para justificar o investimento a mais que o cliente vai fazer.

E a pergunta que vale R$ 190 neste momento é: o Claro TV+ Soundbox vale a pena?

 

Pagando a mais para ter uma soundbox em casa

O Claro TV+ Soundbox entrega como principal diferencial o receptor voltado para os amantes da música, já que os alto-falantes com áudio assinado pela Bang & Olufsen deve chamar a atenção para esse público que gosta de ter um áudio de maior qualidade para o entretenimento.

Como eu não testei o novo equipamento da Claro, não posso mensurar a qualidade de áudio do dispositivo. Porém, não deve ser muito diferente das barras de som que publicamos de tempos em tempos no blog com características similares.

Considerando a combinação de hardware e software, é possível transformar o próprio equipamento do Claro TV+ Soundbox em um equipamento Alexa completo e independente, pelo menos na teoria. No equipamento padrão do Claro TV+ Box, você só pode utilizar o assistente inteligente da Amazon enquanto a TV está ligada.

Já na alternativa do Claro TV+ Soundbox, é possível manter a TV desligada e usar a Alexa de forma independente, ouvindo as respostas pelos alto-falantes integrados no equipamento. Porém, insisto que isso acontece na teoria: precisamos esperar pelo feedback dos usuários ou testar o receptor para descobrir se ele faz isso na prática.

Já o Claro Música ilimitado pode ser interessante para quem realmente gosta do streaming musical e não tem outras alternativas contratadas. O pouco tempo que utilizei essa plataforma me deixou boas impressões sobre o seu funcionamento, principalmente na sugestão de músicas a partir da escolha inicial para reprodução musical.

Ao menos o algoritmo do Claro Música funciona bem para detectar as preferências musicais do usuário, o que é sempre uma boa notícia para quem não quer ficar trocando de faixa o tempo todo.

 

Claro TV+ Soundbox: vale a pena?

Bom, posso dizer que aqui acabam as boas notícias do Claro TV+ Soundbox.

O serviço tem mensalidade de R$ 189,90, e é o plano mais caro da Claro neste momento. Ele é IPTV, e consegue ser mais caro que a TV a cabo tradicional da operadora. Logo, afirmo desde já que apenas os trouxas ou mais desavisados vão contratar esse plano de forma consciente.

Para quem não é cliente da Claro, a taxa de adesão é outro motivo muito forte para fugir do serviço. O valor de R$ 599 para ter o Claro TV+ Soundbox por comodato chega a ser ridículo, sendo que é possível comprar uma barra de som minimamente razoável por esse valor. Ou investir o dobro, e comprar um equipamento da Bang & Olufsen que é seu do mesmo jeito.

Sem falar que a contratação de um dos dois pontos adicionais do Claro TV+ Soundbox que o cliente tem direito é outro assalto, pois o valor de cada ponto extra é de R$ 69,90, muito mais caro do que o preço cobrado pelo ponto adicional do Claro TV+ Box, que tem mensalidade de R$ 39,90.

Com tudo isso apresentado, o Claro TV+ Soundbox até parece ser uma alternativa interessante para os amantes da música, mas os valores cobrados pela adesão, plano e pontos adicionais espantam qualquer pessoa minimamente inteligente desse serviço.

É a Claro querendo a melhor relação custo-benefício para ela, fazendo o cliente mais leigo de otário, em um cenário de quase exploração do consumidor mais ignorante.

Fuja do Claro TV+ Soundbox. Simples assim.


Compartilhe