Quando falamos de Internet, existe uma série de conceitos básicos que são essenciais, não apenas para você entender alguns dos artigos que publicamos no TargetHD.net, mas também para resolver um núcleo no qual a expandir nosso conhecimento de forma eficaz.

Neste artigo, revisaremos cinco conceitos básicos sobre a Internet e as redes que utilizamos com frequência em nossos posts, e que consideramos como fundamentais. Eu sei que a maioria dos leitores do blog já conhecem os termos e os significados, mas este é o tipo de post que vai ajudar aos iniciantes ou usuários menos experientes.

 

 

1. Internet

Nós começamos pela base, pelo básico: o que é a Internet? Podemos defini-la como um conjunto descentralizado de redes de comunicação interconectadas, que nos permite navegar de uma para outro sem problemas.

Sua base está na família dos protocolos TCP / IP, o que garante que as redes físicas heterogêneas que a compõem formem uma rede lógica única de alcance mundial. Como muitos de nossos leitores sabem, suas origens remontam a 1969, quando nasceu a ARPANET, a primeira conexão entre computadores.

 

 

2. Placa de rede

É um componente em forma de cartão (normalmente chamamos de placa) que se conecta à placa-mãe de um computador, e tem os componentes necessários para o computador se conecta à Internet ou à uma rede local, com ou sem fio. As placas de rede atuais possuem conexões com fio (Ethernet) e sem fio (Wi-Fi).

 

 

3. Roteador

É um dispositivo externo que atua como um sistema encarregado de estabelecer a conexão com a Internet, com ou sem fio. Para realizar seu trabalho, envia e recebe constantemente pacotes de dados, o que permite a interconexão de sub-redes. Dito de forma simples, é responsável por estabelecer comunicação e coordenação entre o PC que se conecta a uma página da Web ou serviço e o servidor que hospeda esse site ou fornece esse serviço.

 

 

4. HTML

É uma linguagem de marcação usada para o desenvolvimento de páginas da Internet. Esta abreviatura se refere a “HyperText Markup Language”, e é um padrão que serve como estrutura e código básico para a definição do conteúdo de uma página web. Em termos mais simples, é o padrão que foi estabelecido para a exibição de páginas da web, que todos os navegadores atuais adotam e que fez com que a Internet se consolidasse como uma rede global unificada.

 

 

5. World Wide Web

É um sistema padronizado para a distribuição de documentos hipertextuais ou hipermídia interconectados e acessíveis através da Internet. Sua criação foi possível graças ao HTML.

Com um navegador da Web, podemos visualizar páginas da Web que podem conter textos, imagens, vídeos ou outros conteúdos multimídia e navegar por essas páginas usando hiperlinks, que permitem o acesso a diferentes recursos referenciados diretamente. Em resumo, é a base da moderna navegação na Internet que todos conhecemos, e que permite saltar de um lado para outro através de links.