Cinco alternativas melhores que o Windows Media Player para reproduzir áudio e vídeo | TargetHD.net
TargetHD.net | Notícias, Dicas e Reviews de Tecnologia Cinco alternativas melhores que o Windows Media Player para reproduzir áudio e vídeo | TargetHD.net Press "Enter" to skip to content
Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | Dicas, Truques e Macetes | Cinco alternativas melhores que o Windows Media Player para reproduzir áudio e vídeo

Cinco alternativas melhores que o Windows Media Player para reproduzir áudio e vídeo

Compartilhe

O Windows Media Player é o reprodutor multimídia padrão de todas as versões do Windows, incluindo o Windows 10. Porém, mesmo melhorando com o passar do tempo, o software ficou para trás diante de opções mais avançadas. Nesse post, apresentamos cinco opções com recursos melhores que a solução da Microsoft.

 

 

VLC Media Player

 

 

É um veterano projeto de código aberto que melhora constantemente com as novas versões. Está disponível para todos os sistemas operacionais mais populares (Windows, macOS, iOS, Android e Linux), e reproduz quase todos os formatos de áudio e vídeo. Também pode enviar conteúdos para o Chromecast e ver conteúdos online por streaming.

O VLC conta com vários filtros para modificar a imagem dos arquivos de vídeo, e reproduz até arquivos corrompidos ou danificadas. O software inclui aceleração por hardware, aproveitando os recursos de placas gráficas mais avançadas, permitindo a reprodução de conteúdos em alta resolução com uma alta taxa de frames por segundo.

Por fim, o VLC suporta codecs externos, algo que pode ser útil em formatos de arquivos incompatíveis.

 

 

GOM Player

 

 

Criado pela coreana Gretech Corporation, não é o mais popular apesar dos seus 13 anos de mercado, mas possui duas grandes virtudes.

A primeira virtude é o buscador integrado de codecs, o que é útil para reproduzir os formatos não compatíveis de forma rápida e simples. A segunda virtude é a capacidade de reproduzir arquivos danificados, sendo o único reprodutor multimídia que permite ver arquivos que em outros players simplesmente não rodam.

Por fim, o GOM Player suporte muitos formatos de legendas, o que deve ser levado em consideração para quem vê conteúdos na versão original.

 

 

Media Player Classic

 

 

Nasceu com o objetivo de ser um player leve e compatível com computadores muito antigos. É um programa simples com opções interessantes e muito mais compatível que o Windows Media Player com múltiplos codecs de áudio e vídeo.

É a melhor opção para computadores com poucos recursos. A má notícia é que ele só está disponível para Windows.

 

 

PotPlayer

 

 

Outra criação de origem coreana, pelas mãos da Daum Communications. Muitos usuários entendem que este é o único programa capaz de bater de frente com o VLC nas funções e especificações.

O PotPlayer pode reproduzir arquivos via FTP ou URL, e é compatível com todos os tipos de formatos de arquivos de mídia. Também pode gravar sequências de vídeo e inclui um editor interno, algo bem útil para fazer tutoriais e determinadas guias.

 

 

Winamp

 

 

O exemplo de software que chegou a ser rei, mas não se manteve no topo por falta de inovação. É especializado na reprodução de arquivos de áudio, sendo um dos pioneiros na criação das playlists personalizadas.

Um dos seus pontos fortes sempre foi a interface, bem minimalista e fácil de usar, mas com acesso a várias opções interessantes, incluindo a personalização via skins.

O Winamp chegou a ser cancelado, mas depois de anos inativo, ressuscitou. Precisa se atualizar para voltar a ser o que foi um dia, mas ainda é uma alternativa muito interessante para os fãs de música.

Seu ponto forte é o seu equalizador, muito acessível e fácil de usar com vários perfis pré-carregados. Também permite importar as playlists do iTunes, além de reproduzir rádios online e podcasts.


Compartilhe