O Cielo Lio+ é um dispositvo dois-em-um, já que combina um smartphone da Qualcomm com um módulo de leitura de cartões de débito, crédito e vale-refeição.

O kit custa R$ 1.078, que podem ser parcelados em até 12 vezes sem juros, e está disponível para pequenos empresários e e empreendedores. O dispositivo é fabricado na Zona Franca de Manaus, e possui encaixe magnético na parte traseira para o módulo da Cielo.

O modelo conta com processador MediaTek MT6739 quad-core de 1.28 GHz, tela de 6 polegadas (18:9, HD+), câmeras de 12 MP e 8 MP e leitor de digitais na parte traseira (que fica inoperante quando o módulo é utilizado).

O Cielo Lio+ conta com 16 GB de armazenamento (expansíveis via microSD de até 64 GB), bateria de 3.000 mAh e Android 8.1 Oreo com acesso à Cielo Store, com 100 aplicativos de gestão de negócios.

Um snap magnético em forma de máquina de cartão de crédito pode ser conectado na parte traseira, e aceita cartões de débito, crédito e vale-refeição de 60 bandeiras, podendo realizar pagamentos via WiFi ou 4G. O produto pode ser adquirido nos canais físicos e digitais da Cielo e nas lojas da Claro e da TIM.

 

 

A Cielo também anunciou o QR Code Pay, que realiza os pagamentos através da leitura de um QR code pela câmera do celular. O recurso já está disponível nas máquinas de pagamento da empresa e no Lio+;.

O QR Code Pay é compatível para clientes do Banco do Brasil, Bradesco, Agibank, PicPay, Alelo e Livelo, e compatível com cartões das bandeiras Elo, Visa, Mastercard e American Express.

A Cielo apresenta soluções para dinamizar o mercado de compra e venda utilizando o smartphone como ferramenta de negócio para os comércios locais de pequeno e médio porte. A empresa precisa rebater a concorrência, que apresenta máquinas de cartão com preços mais acessíveis e que já usam o telefone como via de comunicação de dados.

 

Via Meio & Mensagem