BlackBerry Messenger tem morte agendada para 31 de maio | TargetHD.net
TargetHD.net | Notícias, Dicas e Reviews de Tecnologia BlackBerry Messenger tem morte agendada para 31 de maio | TargetHD.net Press "Enter" to skip to content
Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | Software | BlackBerry Messenger tem morte agendada para 31 de maio

BlackBerry Messenger tem morte agendada para 31 de maio

Compartilhe

Agora é oficial.

Depois de várias tentativas de fazer o BlackBerry Messenger levantar do chão ou fazer com que o aplicativo se adaptasse aos novos tempos para ser competitivo, os seus responsáveis decidiram jogar a toalha e anunciar a sua morte oficial. Algo compreensível, já que (quase) ninguém sente falta dele com a existência do WhatsApp, Telegram, Facebook Messenger e outros comunicadores instantâneos.

O BlackBerry Messenger chegou a ter mais de 100 milhões de usuários, e até se apresentou como alternativa ao WhatsApp por causa de duas grandes características: as suas diferentes opções e sua maior segurança. Mas nada disso funcionou.

A empresa indonésia Emtek tinha os direitos do BlackBerry Messenger desde 2016, e em comunicado oficial bem resumido confirmou que o BBM deixa de funcionar a partir de 31 de maio.

Agora, os usuários da plataforma podem começar a digerir a notícia da morte e buscar outra alternativa (algo que a maioria já deve ter feito a essa altura do campeonato). Opções não faltam, e algumas delas são mais completas que o BlackBerry Messenger.

 

 

O comunicado não entrou em detalhes sobre o motivo para o fim do BBM, mas nas entrelinhas podemos deduzir que todos os esforços aplicados nos últimos três anos para salvar o app não deram em nada. Não aumentaram o número de usuários, muito menos conseguiram se adaptar aos novos tempos, incorporando recursos que hoje são considerados imprescindíveis.

A versão profissional do aplicativo, BBMe (BlackBerry Messenger Enterprise), segue disponível por enquanto. A variante tem um custo de US$ 2,50 a cada seis meses, e oferece codificação ponta a ponta e a possibilidade de editar ou eliminar as mensagens enviadas. Mais ou menos o que o WhatsApp e o Telegram fazem hoje.

Apesar de afirmar que quase ninguém vai sentir falta dele, o BlackBerry Messenger é mais um símbolo da tecnologia do passado que desaparece por não saber como evoluir. Não deixa de ser uma notícia ruim em vários aspectos.

#RIP BBM.

 

Via BBM


Compartilhe