Bill Gates afirma que o seu maior erro foi deixar o Android prosperar | TargetHD.net
TargetHD.net | Notícias, Dicas e Reviews de Tecnologia Bill Gates afirma que o seu maior erro foi deixar o Android prosperar | TargetHD.net Press "Enter" to skip to content
Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | Notícias | Bill Gates afirma que o seu maior erro foi deixar o Android prosperar

Bill Gates afirma que o seu maior erro foi deixar o Android prosperar

Compartilhe

A essa altura do campeonato e em pleno 2019, ninguém tem dúvidas que Bill Gates é um dos empresários mais bem sucedido de todos os tempos, e protagonista fundamental do panorama tecnológico há, pelo menos, três décadas. Porém, até mesmo os gênios ou gigantes da tecnologia cometem grandes erros, como o próprio Gates reconheceu em um evento organizado pelo Village Global.

Entre outras reflexões interessantes, Gates reconhece que a posição que hoje ocupa o Android no ecossistema móvel e como grande rival da Apple e do iOS teria que ser para um sistema operacional da Microsoft, e não do Google.

 

 

Um erro de US$ 400 bilhões

 

Palavras de Bill Gates:

“O maior erro que eu cometi foi… qualquer má gestão que resultou em uma Microsoft não ser o que o Android é hoje. Quero dizer, o Android é a plataforma padrão para dispositivos móveis, e a alternativa à Apple. Essa é a posição natural que a Microsoft deveria ter conseguido.

No mercado, só há espaço para um sistema operacional móvel além da Apple e… quanto vale? US$ 400 bilhões poderiam ter transferido o sistema da companhia G para a companhia M…”

 

Ou seja, Gates deixa claro que não há dúvidas sobre quem é quem no jogo das letras. Aqui, vale a pena lembrar que o Google comprou o Android em 2005 por US$ 50 milhões.

Bill Gates não menciona um dos aspectos fundamentais para o sucesso do Android: a aposta na oferta gratuita do sistema operacional para os fabricantes, centrando o seu modelo de negócio pela cobrança dos serviços e na loja de aplicativos. Se tivesse comprado o Android antes do Google… teria sido a Microsoft tão generosa na época?

Muitas coisas mudaram na gigante de Redmond de lá para cá. Basta dar uma olhada nas reações de Steve Ballmer depois do lançamento do iPhone em 2007 e em como a Microsoft de hoje, na era Satya Nadella, abraça com amor a filosofia de serviços e o software livre.

Mas as perguntas persistem: o que a Microsoft fez de errado para não dominar o setor mobile? Onde a Microsoft falhou com o Windows Phone?

 

 

Via Inc


Compartilhe