microsoft ama github - Até a Linux Foundation está comemorando a compra da GitHub pela Microsoft...

Apesar de muitos desenvolvedores torcerem o nariz para a compra da GitLab pela Microsfot, a Fundação Linux comemorou a negociação.

No site The Linux Foundation, Jim Zenlin (diretor executivo da organização) publicou um longo artigo sobre o que a compra significa para o futuro do código aberto. Ele acredita que “são notícias muito boas para o mundo do código aberto, e devemos comemorar que a Microsoft fez”.

Zenlin também garante (depois de verificar três vezes com seus advogados), que os projetos em desenvolvimento no GitHub não serão de propriedade da Microsoft, se mantendo nas mãos dos seus legítimos donos.

Para ele, não há motivo de preocupação, e que a compra do GitHub não significa um complô secreto da Microsoft para se apoderar de 70 milhões de projetos.

A Microsoft quer é ter os desenvolvedores do seu lado, ajudando esses profissionais a desenvolver essa tecnologia. Aliás, é um dos lemas da empresa: ajudar cada pessoa e cada organização do planeta a criar mais coisas.

Hoje, mais de 28 milhões de pessoas estão no GitHub.

Zemlin revela que passou muito tempo rindo do que a Microsoft fazia, mas reconhece que os tempos mudaram. Isso fica claro com os diferentes passos dados pela empresa para se aproximar cada vez mais daqueles que um dia eles viram como seus concorrentes diretos.

E hoje, esses concorrentes são parceiros da Microsoft nos seus objetivos. Quem diria…

 

Via The Linux Foundation