ASUS ROG Zephyrus S GX701, e a sua bestial tela de 300 Hz | TargetHD.net
TargetHD.net | Notícias, Dicas e Reviews de Tecnologia ASUS ROG Zephyrus S GX701, e a sua bestial tela de 300 Hz | TargetHD.net Press "Enter" to skip to content
Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | Notebooks, Ultrabooks e Conversíveis | ASUS ROG Zephyrus S GX701, e a sua bestial tela de 300 Hz

ASUS ROG Zephyrus S GX701, e a sua bestial tela de 300 Hz

Compartilhe

O ASUS ROG Zephyrus S GX701 é um notebook que quer ser uma atraente opção para gamers, recebendo uma tela com taxa de frequência simplesmente bestial, que é algo importante nesse universo, mas que entrega um valor real que não é tão claro como parece inicialmente.

 

 

Longa vida aos Hertz

 

 

A alta frequência de atualização é essencial para muitos gamers, que buscam como mínimo ter monitores de 144 Hz nos seus PCs. Mas nos últimos anos, as coisas tomaram proporções enlouquecedoras, indo dos 144 Hz para surpreendentes 240 Hz. Agora, o ASUS ROG Zephyrus S GX701 entrega uma tela com 300 Hz de taxas de atualização, sendo o novo rei dessa obsessão.

E essa é a principal diferença entre o novo modelo e a sua versão anterior, que tinha uma tela de 144 Hz, ficando bem atrás se o que o usuário busca é a máxima frequência de atualização possível.

O ASUS ROG Zephyrus S GX701 tem uma tela com tempo de resposta de 3 ms GtG (Gray to Gray), e a mesma tela estará disponível nos modelos de 15 e 17 polegadas do ROG Strix Scar III e também em um protótipo do ROG Zephyrus S GX502.

Todos estes modelos contarão com telas calibradas de fábrica e com a validação Pantone, o que garante a precisão de cores, algo que é um interessante apelo para quem trabalha com edição de vídeo ou pós-processamento de imagens.

 

 

Ainda com a RTX 2080, não será possível ver tudo a 300 Hz

 

 

Para essa tela funcionar direito, é preciso uma placa gráfica potente. E a ASUS oferece nesse notebook a melhor opção do mercado: uma RTX 2080 com uma frequência de trabalho máxima de 1.230 MHz. Este Modo Turbo consome 100W, mas em troca você vai alcançar os tais 300 fotogramas por segundo em jogos, entregando essa excepcional taxa de atualização que o equipamento promete.

Mas essa não será a regra nesse equipamento. São poucos os jogos que alcançam os 300 fps, com exceção de jogos com requisitos visuais muito modestos, e em muitos jogos ficar abaixo dos 150 ou 200 FPS é o normal em jogos especialmente exigentes nos aspectos gráficos.

Mesmo assim, a frequência de trabalho sempre dá mais margem de manobra, e o trabalho em conjunto com a tecnologia G-SYNC da NVIDIA vai permitir que não aconteçam conflitos visuais na experiência de usuário como o tearing ou fragmentação das imagens. Se os gráficos não podem entregar os 300 FPS, nada vai acontecer: a tele se ajusta a cada momento, onde a GPU pode sincronizar os dados, entregando uma experiência de uso fluída.

Essa tecnologia se une ao uso do NVIDIA Optimus para desativar os gráficos dedicados se não precisamos dele (na hora de navegar ou trabalhar com documentos do Office, por exemplo), e um sistema de refrigeração, o Active Aerodynamic System se encarrega de manter as temperaturas sob controle.

Os novos notebooks ASUS ROG Zephyrus S GX701 chegam ao mercado em outubro, mas preços não foram revelados. As telas de 300 Hz vão desembarcar em outros notebooks da família ROG a partir de 2020.


Compartilhe