Astro do YouTube é condenado a 10 anos de prisão por pornografia infantil | TargetHD.net
TargetHD.net | Notícias, Dicas e Reviews de Tecnologia Astro do YouTube é condenado a 10 anos de prisão por pornografia infantil | TargetHD.net Press "Enter" to skip to content
Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | Internet | Astro do YouTube é condenado a 10 anos de prisão por pornografia infantil

Astro do YouTube é condenado a 10 anos de prisão por pornografia infantil

Compartilhe

A (agora) ex-celebridade do YouTube Austin Jones foi condenado a dez anos de prisão pela justiça dos Estados Unidos, depois de ser declarado culpado de obrigar meninas menores de idade a enviar vídeos explícitos de caráter íntimo por muito tempo.

O youtuber era conhecido em seu canal por realizar covers de canções, e no ano de 2017 foi preso depois de ser acusado de produção e utilização de pornografia infantil. Ele se declarou culpado, confirmando que pedia o material para as meninas. No total, foram seis vítimas que produziram e enviaram vídeos para Jones, como uma prova que elas eram as suas maiores fãs.

 

 

Um youtuber condenado

 

Na sentença, é enfatizado que “a produção e recepção de pornografia infantil são delitos muito graves, que ameaçam a segurança de nossos filhos e da comunidade”, afirmando que as ações de Austin causaram danos para as vítimas e suas famílias que jamais poderão ser recuperados.

O canal de Jones no YouTube registrava aproximadamente 540 mil assinantes e contava com um total de 20 milhões de reproduções em seus vídeos. A plataforma eliminou o seu canal em fevereiro de 2019, logo depois do rapaz ser considerado culpado em primeira instância, antes de receber a sentença final, que veio agora.

Uma das declarações feitas pelo acusado foi da existência dos vídeos, mas que ele jamais teve algum tipo de contato físico ou exibiu sua nudez para as vítimas. Algumas das meninas que enviavam vídeos para Jones tinha apenas 14 anos de idade.

Por fim, o acusado deverá cumprir a sentença sem poder acessar nenhum benefício, e é esperado que não aconteçam apelações para a decisão tomada pela justiça por conta da veracidade das provas para incriminar o acusado.

Para os pais: fiquem sempre de olho sobre o que os seus filhos estão fazendo ou consumindo na internet.

Para as crianças: por favor, parem de venerar os seus ídolos. Em alguns casos, vocês se comportam como verdadeiros idiotas, e os resultados podem ser catastróficos.

 

Via CNN


Compartilhe