Compartilhe

Se você está de saco cheio do domínio do Google no seu smartphone ou computador, esse post é para você. Poucas pessoas no planeta não usam pelo menos um serviço da gigante de Mountain View, de forma direta ou indireta. Um dos serviços mais utilizados é o de busca e pesquisa pela internet. Mas o que muita gente não sabe (ou nunca se preocupou em saber) é que ninguém é obrigado a usar o Google ou os seus serviços.

Existem serviços e aplicativos de terceiros que fazem quase a mesma coisa que o Google faz. E sem muitos prejuízos para os usuários que não contam com necessidades explícitas para aquelas ferramentas que já usa dentro do guarda-chuva de apps da gigante de Mountain View, ou que contam com necessidades específicas para não passar pelos serviços da empresa que tudo sabe sobre você.

Nesse post, vamos apresentar alguns serviços ou aplicativos de concorrentes aos produtos do Google. Nem todos são perfeitos e abandonar as plataformas que você já utiliza é algo bem complicado. Mesmo assim, ao menos você tem opções, e se você se preocupa com a sua privacidade, vale a pena ler esse post com atenção até o fim.

O Google sabe muito sobre todos nós, e se um dia a empresa muda o seu “modus operandi”, estamos perdidos.

Porém, vale a pena reforçar que nem todos os serviços que vamos apresentar aqui são perfeitos concorrentes. Em alguns serviços, o Google ganha de lavada, arrasando com qualquer adversário, e é (quase) impossível viver sem esse produto ou serviço.

 

 

Alternativas aos serviços do Google

 

Google Play Store: Aptoide, Amazon Store
Chrome: Edge, Firefox, Opera, Brave, Safari (apenas para os produtos Apple)
Gmail: Outlook, Thunderbird, iCloud Mail (apenas para os produtos Apple)
Google Docs: Open Office, Microsoft Office. iCloud Office (iOS e macOS)
Pesquisa: Bing, DuckDuckGo, Qwant
Drive: Dropbox, OneDrive, iCloud
Mapas: Bing Maps, Here.com, Maps (apenas para os produtos Apple)
Google Duo/Hangouts: Facebook Messenger, Skype, Telegram, WhatsApp, Facetime (iOS)
Mensagens Android: Facebook Messenger, WhatsApp, Mensagens (SMS), Telegram, Slack, Apple iMessage (apenas para os produtos Apple)
YouTube:

 

 

Ainda está para nascer o verdadeiro concorrente do YouTube

 

Eu disse: não é fácil ignorar todos os serviços do Google. É um império quase sem escapatória, e o YouTube pode ser a armadilha final para você ficar preso. Porém, ainda tem uma luz no fim do túnel, que são as concorrentes Twitch, Vimeo, Vevo e Dailymotion. Esperamos que eles melhorem com o futuro.


Compartilhe