TargetHD.net | Notícias, Dicas e Reviews de Tecnologia Apple vs Meta: o futuro duelo tecnológico? | TargetHD.net Press "Enter" to skip to content
Wetten.com Brasil Apostas
Você está em | Home | Notícias | Apple vs Meta: o futuro duelo tecnológico?

Apple vs Meta: o futuro duelo tecnológico?

Compartilhe

É importante olhar para o futuro. E a Apple, que ainda está em guerra com a Epic Games por causa de Fortnite, deve estar se preparando para outro confronto, mas dessa vez no mercado. E o desafio é com um verdadeiro gigante: o Facebook. Ou melhor, o Meta.

Apple e Facebook (Meta) estão batendo de frente a algum tempo, principalmente por causa dos temas da privacidade. E as críticas da gigante de Cupertino vem dos tempos de Steve Jobs.

O comando da Apple nas mãos de Tim Cook e os escândalos do Cambridge Analytica contribuíram para que as tensões entre ambas aumentassem. E as mudanças na política de privacidade no iOS 14.5 colocou ainda mais gasolina na fogueira.

Agora, vem o Meta… e o duelo vai continuar.

 

 

 

Meta é uma ameaça para os interesses da Apple

A Apple não é bem sucedida apenas nas vendas de smartphones e computadores. E três segmentos de muito interesse para a gigante de Cupertino também estão no radar do Meta, de alguma forma: os wearables, os dispositivos de casa conectada e os visores de realidade virtual e realidade aumentada.

E a Apple não quer que Mark Zuckerberg mexa nas suas gavetas.

Em 2022, o Meta deve lançar o seu primeiro smartwatch, que deve receber de forma nativa todos os serviços da empresa, o que naturalmente deve chamar a atenção de muita gente, considerando o enorme volume de pessoas que já utilizam essas plataformas.

E isso é uma grande ameaça ao Apple Watch, que não apenas pode perder público pelo volume, mas também porque ficou para trás em algumas tecnologias como, por exemplo, as chamadas de vídeo nos relógios inteligentes.

A Apple deve se envolver cada vez mais com os temas de casa conectada em 2022, para competir com o Portal do Meta e com o Echo Show da Amazon. Esse é um movimento inteligente, principalmente pelo fato de poder bater de frente com a questão da privacidade do usuário, alvo de várias críticas para a empresa de Zuckerberg.

E sobre a realidade virtual, já tem muito tempo que sabemos sobre os planos da Apple em desenvolver os seus próprios visores de realidade virtual e aumentada, ao mesmo tempo que o Facebook deve apresentar novas propostas nesse sentido ao longo de 2022.

Ou seja, as duas empresas devem oferecer produtos dentro desse segmento ao longo do ano que vem e, talvez, de forma quase simultânea. O que deve alimentar ainda mais a competição entre Apple e Meta.

Tudo bem que um dispositivo de RV ou RA da Apple só deve chegar mesmo em 2023 e, ainda assim, será um produto bem caro. Mesmo assim, o produto do Meta tende a ser muito mais barato e, por causa disso (também) deve dominar um mercado que ainda está em formação.

 

 

 

Como será o amanhã?

Isso é tudo o que dá para imaginar para os próximos dois anos envolvendo as duas empresas e, por causa de tudo o que foi escrito neste post, dá para prever que Apple e Meta vão entrar em rota de colisão.

Qual empresa vai sair como vencedora desse duelo. Não fazemos a menor ideia. Mas é melhor você se proteger das futuras faíscas produzidas entre as duas gigantes de tecnologia.

 

 

Via Bloomberg


Compartilhe